Se a dúvida no mundo do futebol permanece sobre quem é o melhor do mundo, Messi ou Ronaldo, no póquer o português pode orgulhar-se de ser melhor que o craque argentino, juntando-se hoje à elite do póquer mundial, a equipa da "PokerStars". Num vídeo publicado nas suas redes sociais, #Cristiano Ronaldo aparece sorridente e orgulhoso por se poder juntar à mesma equipa de Neymar e do brasileiro Ronaldo.

Cristiano Ronaldo sempre foi um apaixonado por póquer, considerado desporto no Brasil, mas só quando soube que o seu rival Neymar se havia juntado à "PokerStars" é que decidiu que também queria seguir-lhe o rasto. Com esta parceria, o craque português vai começar a dar a cara para anúncios do site e ajudar nas questões do marketing da marca.

Publicidade
Publicidade

Em contrapartida, Ronaldo vai poder participar em muitos torneios organizados pela "PokerStars" e ser o rosto principal de uma actividade crescente em termos mundiais.

O português junta-se assim a Neymar, Ronaldo, o fenómeno, o seu amigo Rafael Nadal, Shevckenko e muitas outras estrelas desportivas que decidiram abraçar este desporto que tanto adoram. Para o póquer em geral e para os seus profissionais esta notícia é óptima, visto que, com o apoio de Ronaldo, muitos jogadores recreativos vão surgir nas salas do site e, proporcionalmente, muito mais dinheiro vai estar em jogo, algo que beneficia muito os jogadores profissionais, que têm agora oportunidade de ganhar muito mais dinheiro. Esta contratação vai valer milhões para a "PokerStars" que já há vários anos é o site de póquer mais popular do mundo.

Publicidade

Actualmente em férias, depois de uma época desastrosa ao serviço do Real Madrid, Cristiano Ronaldo tem agora tempo para desenvolver o seu talento para o jogo e até fazer como o seu amigo Rafael Nadal fez, pedir um treinador à sua equipa para poder desenvolver vários elementos do seu póquer. De algo Cristiano Ronaldo pode ter a certeza, no póquer as luzes não vão ser partilhadas com Lionel Messi e este vai ser, sem sombra de dúvidas, a cara deste desporto, sem que ninguém lhe morda os calcanhares.