Resumo da partida 

 

17:14: Termina a partida no Philippe Chatrier com uma clara vitória do número 1 mundial Novak Djokovic. O sérvio demonstrou desde o início do encontro que tinha mais argumentos e Nadal voltou a desiludir e a mostrar que está muito abaixo da forma que o notabilizou.

Djokovic segue para as meias-finais onde irá enfrentar o vencedor da partida entre Andy Murray e David Ferrer. 

3º Set, 7º jogo: Rafa Nadal não evita nova quebra de serviço a 0 e entrega a partida ao adversário. Excelente vitória de Novak Djokovic em apenas 3 sets.

3º Set, 6º jogo: Nole fecha a love. Nadal vai agora servir para evitar a vitória do sérvio.

3º Set, 5º jogo: Nadal volta a ganhar um jogo no seu serviço reduzindo assim a vantagem do adversário para 4-1.

3º Set, 4º jogo: Tudo cada vez mais decidido. O número 1 do mundo faz o 4-0 enquanto que o espanhol parece ter já baixado os braços.

3º Set, 3º jogo: Nova quebra de serviço por parte de Djokovic e desilusão na cara de Rafa Nadal. Dois breaks de vantagem deverão ser suficientes para a passagem do sérvio para a meia-final.

3º Set, 2º jogo: Nole parece determinado em não deixar a partida ir além deste 3º set. Fechou o seu serviço a 30 confirmando assim o break do jogo anterior.

3º Set, 1º jogo: Tudo ainda mais difícil para o espanhol. O líder do ranking volta a quebrar o serviço do adversário e garante desde já um break de vantagem neste 3º parcial.

Resumo do 2º Set

 

16:40: Novak Djokovic passa a liderar por 2 sets a 0. O segundo set foi um pouco menos animado que o primeiro. Neste parcial ambos os jogadores estiveram muito bem no serviço com excepção do espanhol que no penúltimo jogo do set permitiu o break por parte do adversário. A diferença já é grande mas Nadal poderá ter ainda uma palavra a dizer e tentar virar o resultado.

2º Set, 9º jogo: O número 1 do mundo não perdoa e fecha o 2º set. Será que o maiorquino ainda tem força para dar a volta ao resultado?

2º Set, 8º jogo: Djokovic volta a estar melhor e quebra o serviço a Nadal. O sérvio vai servir a seguir para fechar o segundo parcial.

2º Set, 7º jogo: Excelente jogo de Nole que fecha a 0 e volta a estar em vantagem. 4-3 para o sérvio.

2º Set, 6º jogo: O espanhol conseguiu fechar o seu serviço a 30 depois de ter estado com 15-30 de desvantagem.

2º Set, 5º jogo: Djoko responde com a mesma moeda e fecha o seu jogo também a love.

2º Set, 4º jogo: Jogo de serviço tranquilo para Rafa que fecha a 0 e empata o set 2-2.

2º Set, 3º jogo: O líder do ranking volta a estar autoritário no seu serviço e fecha a 15.

2º Set, 2º jogo: O maiorquino fecha também o seu jogo a 30.

2º Set, 1º jogo: Nole fecha o seu 1º jogo do set a 30. 1-0 para o sérvio.

Resumo do 1º Set

 

15:55: Primeiro set marcado pelo equilíbrio e por alguns nervos de parte a parte. O número um mundial cometeu mais erros mas fez também mais winners e acabou por beneficiar de algum desacerto do espanhol no segundo serviço.

1º Set, 12º jogo: Novak Djokovic quebra Nadal a 40 e fecha o 1º set!

1º Set, 11º jogo: Novo bom jogo de serviço por parte de Djokovic. 6-5 a seu favor.

1º Set, 10º jogo: O espanhol é obrigado a salvar 3 set points mas consegue fechar o seu jogo a 40.

1º Set, 9º jogo: O nº 1 do mundo voltar a ter bons índices de serviço e consegue também ele fechar o seu jogo a love. 5-4 para Novak.

1º Set, 8º jogo: Jogo de serviço em branco para Rafa que chega assim ao 4-4 no set inaugural.

1º Set, 7º jogo: Nadal quebra novamente o serviço de Djokovic que acumulou muitos erros neste jogo. Está tudo nas mãos do espanhol para chegar à igualdade no set.

1º Set, 6º jogo: O espanhol está em crescendo na partida. Consegue fechar pela primeira vez um jogo no seu serviço e reduz o marcador para apenas 2 jogos de diferença.

1º Set, 5º jogo:  O maiorquino quebra o serviço do sérvio e reentra na discussão pelo 1º parcial que é liderado por Djoko por 4-1.

1º Set, 4º jogo: Nova quebra de serviço por parte do sérvio que só muito dificilmente perderá o primeiro set.

1º Set, 3º jogo: Nole fecha a 30 o seu jogo de serviço e consegue o 3-0.

1º Set, 2º jogo: Djokovic quebra o serviço a Rafael Nadal. O espanhol ainda fez o 1º ponto, mas o sérvio conseguiu 4 pontos consecutivos e adianta-se no marcador do 1º set.

1º Set, 1º Jogo: Novak Djokovic fecha o seu primeiro jogo de serviço a 0.

14:45: Começou a partida. Novak Djokovic sai a servir.

14:40: Boa tarde leitores, acompanhem minuto a minuto a partida mais aguardada até ao momento do torneio Roland Garros. Os jogadores já se encontram no court a fazer o aquecimento. O árbitro da partida será o francês Cédric Mourier.

Antevisão do jogo 

Hoje em Roland Garros, defrontam-se nos quartos-de-final o sérvio Novak Djokovic e o espanhol Rafael Nadal, numa partida que é considerada por muitos amantes do #Ténis como uma final antecipada e um dos jogos do ano. Novak Djokovic é o indiscutível n.º 1 mundial. O sérvio está com uma grande vantagem no ranking em relação ao n.º 2 Roger Federer e está com o registo impressionante de 14 vitórias e 0 derrotas na terra batida, em 2015. Nole ainda não perdeu qualquer set nesta edição de Roland Garros, após ter eliminado Jarko Nieminen, Gilles Muller, Tanasis Kokkinakis e Richard Gasquet todos eles com grande facilidade.

A incógnita Rafael Nadal 

Rafa Nadal tem desiludido a todos os níveis este ano. O ex-número 1 mundial venceu apenas um torneio nesta época, uma vitória na terra batida de Buenos Aires, o que sabe a pouco tendo em conta que este jogador é considerado como o maior especialista de sempre no pó de tijolo. Nesta superfície os seus números são esclarecedores em 2015: em 6 torneios venceu apenas um e foi finalista vencido em Madrid, as piores estatísticas deste jogador desde o longínquo ano de 2003. No entanto, o espanhol tem feito bons jogos em Roland Garros, ele eliminou o wildcard Quentin Halys, Nicolas Almagro e Andrey Kuznetsov, todos por 3 sets sem resposta. Na ronda anterior as coisas foram mais complicadas para ele, tendo eliminado Jack Sock mas cedendo o 3º set para o jovem norte-americano.

Nadal perdeu apenas uma vez em Roland Garros

Rafael Nadal é o melhor jogador de sempre no Grand Slam de Paris. O maiorquino perdeu apenas um jogo em 10 edições, em 2009 contra Robin Soderling, numa partida épica e histórica que é recordada por muitos como um dos mais espetaculares jogos de ténis de todos os tempos.

Uma das maiores rivalidades do ténis

Esta é a 44ª vez que estes dois jogadores se encontram. Nadal tem vantagem no confronto #Directo com 23 vitórias contra 20 de Djokovic. Porém, hoje o favorito é o sérvio, que derrotou Nadal em abril no torneio de Monte Carlo.


Acompanhe todas as incidências do jogo aqui na Blasting News. Quem sairá vitorioso da partida? Qual o seu favorito?