Passados seis anos desde a sua última conquista, Alexandre Camacho e Pedro Calado sagraram-se no passado dia 12 de Setembro novamente campeões do Campeonato de Ralis da Madeira. Desta feita aos comandos do Porsche 997 GT3 no Rali Municípios do Funchal e Câmara de Lobos.

Numa prova disputada com condições atmosféricas bastante adversas, Gil Freitas foi o primeiro líder do dia, contudo a dupla do Team Vespas ascendeu ao topo da classificação logo no segundo troço para não mais perder o primeiro lugar, terminando a sua prova com uma vantagem de 45,2 segundos face ao piloto do Team RIM – Remax Elite.

Freitas ainda ameaçou Camacho mas teve de se contentar com a segunda posição a bordo do seu Porsche 997 GT3, depois da desistência na prova rainha do #Automobilismo madeirense, o Rali Vinho Madeira.

Publicidade
Publicidade

A fechar o lugar mais baixo do pódio, surge André Silva que esteve irrepreensível à chuva e com o intenso nevoeiro que se fez sentir ao longo de todo o dia de competição com o seu Citroën C2.

Filipe Pires levou o Mitsubishi Lancer EVO X ao quarto lugar final, realizando uma prova em crescendo, depois de um início algo atribulado com a cedência de uma transmissão da viatura japonesa, sagrando-se igualmente campeão regional no que às viaturas da RC2N diz respeito. Quinta posição para Bruno Fernandes e Mauro Sousa que acusaram nesta prova alvinegra, os poucos quilómetros a bordo do Citroën C2 debaixo de condições atmosféricas adversas, embora tivessem contabilizado importantes pontos para a RC4.

Demonstrando uma maior adaptação ao Mitsubishi Lancer EVO X, Américo Gouveia, navegado por Marco Marote, foi paulatinamente registando “cronos” interessantes, reflectindo a rodagem adquirida no Rali Vinho Madeira e levando a viatura japonesa ao sexto posto.

Publicidade

Sétima posição para Paulo Mendes, que foi outro dos azarados da prova com a caixa de velocidades do Porsche 997 GT3 a ficar presa na segunda velocidade, o que obrigou o piloto a penalizar 30 segundos à entrada para a segunda prova especial de classificação de modo a minimizar o problema, acabando por ser obrigado a fazer uma prova de trás para a frente.

Vasco Silva Jr. demonstrou, uma vez mais, todas as suas qualidades a bordo do Peugeot 205 GTI, imprimindo ao longo de todo o dia de competição um andamento bastante vivo, que lhe garantiu o oitavo lugar final. Encerraram o “top-ten”, Ricardo Gonçalves e Isabel Ramos, em Citroën C2 e Renault Clio R3, respectivamente, tendo ambos se queixado das condições atmosféricas adversas, o que os obrigou a adotar um andamento mais controlado do que o demonstrado nas provas transatas.

Resta apenas acrescentar que a prova organizada pela Secção de Automobilismo do Clube Desportivo Nacional atribuiu o título de VSH 2RM até 1400cc a Artur Quintal e a Pedro Diogo no que ao Troféu Zoom Dmack Yaris Cup diz respeito. O Campeonato de Ralis da Madeira volta à estrada nos dias 25 e 26 de Setembro [VIDEO], para a realização do Rali ZOOM – TRAP.