A tenista portuguesa Michelle Larcher de Brito está a apenas a um jogo de se qualificar para o quadro principal do primeiro torneio do Grand Slam da temporada, o Open da Austrália. Em Melbourne a número um portuguesa, regressada de uma lesão no pulso, venceu esta sexta-feira, 15 de Janeiro, na segunda ronda do qualifying, a norte-americana Maria Sanchez, avançando para a última ronda que dá acesso ao quadro principal.

Actualmente no 222.º lugar do ranking WTA, Michelle Larcher de Brito chega ao Open da Austrália com o seu ranking protegido devido à lesão que a colocou fora dos courts durante 6 meses, período no qual foi submetida a uma operação ao pulso direito.

Publicidade
Publicidade

A portuguesa parece ter colocado todos os problemas para trás das costas e mostra estar em forma no arranque da temporada de 2016.

Na primeira ronda, Michelle teve um encontro complicado com a 24.ª cabeça de série do torneio de qualificação, a neozelandesa Marina Erakovic. Depois de perder o primeiro set por 6-0, a portuguesa conseguiu dar a volta ao encontro e venceu os dois sets seguintes por 6-4 e 7-5. Na segunda ronda, Larcher de Brito esteve dominadora frente à norte-americana Maria Sanchez e venceu o encontro em apenas dois sets, com os parciais 6-2 e 6-3.

Na terceira e última ronda do qualifying, Michelle tem encontro marcado com a ucraniana Maryna Zavneska, a jogadora número 191 do ranking WTA. Caso consiga vencer o jogo, a portuguesa vai garantir a presença pela segunda vez na sua carreira no quadro principal do Open da Austrália, depois de ter disputado o torneio do Grand Slam em 2013.

Publicidade

Gastão Elias eliminado na primeira ronda do qualifying

Menos sorte teve Gastão Elias, que não conseguiu ultrapassar nenhuma ronda no qualifying em Melbourne. O número dois português mediu forças com o francês Pierre-Hugues Herbert, número 167 do ranking ATP. Apesar de defender o estatuto de cabeça de série no torneio de qualifying Elias, perdeu o encontro em três sets com os parciais de 7-6(6), 3-6 e 6-3.

João Sousa cabeça de série em Melbourne

Quem já tem lugar garantido no quadro principal do primeiro Grand Slam da temporada é João Sousa, o actual 33.º jogador do ranking ATP. Além de marcar presença no quadro principal, o vimaranense vai ainda defender o estatuto de cabeça de série num Grand Slam, situação que acontece pela segunda vez na sua carreira, depois de o ter sido em 2014 no US Open. No entanto, esta é a primeira vez que um tenista português é um dos cabeças de série no Open da Austrália. Sousa será o 32.º pré-designado do torneio australiano, tendo beneficiado da desistência de Richard Gasquet.

Publicidade

Entretanto, o número um português já conhece o seu adversário da primeira ronda. Pela frente Sousa terá o cazaque Mikhail Kukushkin, número 63 do ranking mundial. Em torneios ATP, os dois contam apenas com um confronto, em 2014 no Masters de Roma, onde o cazaque levou a melhor sobre o português.

Caso atinja a terceira ronda do Open da Austrália, Sousa poderá voltar a enfrentar, tal como aconteceu na edição de 2015, o britânico Andy Murray, o número dois mundial. Ultrapassando Kukushkin, Sousa terá de defrontar Donald Young ou Santiago Giraldo na segunda ronda.

O Open da Austrália disputa-se entre os dias 18 e 31 de Janeiro. #Ténis