O campeonato nacional #Andebol 1 vai mudar de formato. Tudo porque as equipas continuam a demonstrar o seu descontentamento face ao actual modelo. Após uma reunião entre clubes e Federação, estará para breve o anúncio do novo modelo, de acordo com o actual presidente da Federação de Andebol de Portugal, Ulisses Pereira. Ao todo, são nove as equipas que se posicionaram contra o actual modelo, entre elas FC Porto e ABC de Braga e, no sentido inverso, #Benfica e Sporting estão entre os três defensores do actual modelo com play-off na fase final. 

Federação do mesmo lado de Benfica e Sporting

Ulisses Pereira voltou a declarar-se a favor do actual modelo de competição.

Publicidade
Publicidade

Neste momento, as equipas já estão a jogar a fase final, a decorrer sob a forma de play-off e, para o presidente da Federação, este é o modelo que mais lhe agrada. No entanto, de acordo com o jornal A Bola, o presidente tem a seu lado apenas as vozes de Benfica, Sporting e Passos Manuel. 

Todos os outros nove clubes da primeira divisão são contra e preferem o modelo anterior, ou seja, após uma Fase Regular com duas voltas, jogar-se-ia uma segunda fase somente entre as seis ou oito primeiras equipas, após uma divisão de 50% dos pontos conquistados na fase regular. 

FC Porto hegemónico nos dois sistemas

O FC Porto é, neste momento heptacampeão nacional em título e é o principal favorito para revalidar o campeonato, o que, a acontecer, será pela oitava vez consecutiva. O modelo de play-off foi introduzido na época 2014/2015 e o FC Porto venceu o Sporting na grande final.

Publicidade

Nesta época, o modelo mantém-se e o FC Porto, após dominar toda a fase regular (soma 24 vitórias consecutivas), prepara-se já para jogar as meias-finais frente ao Benfica. Na outra meia-final, Sporting e ABC de Braga tentam o acesso à final, numa fase em que tudo poderá ainda acontecer e FC Porto e ABC de Braga têm apenas a vantagem de realizarem mais um encontro "em casa", isto depois de terem sido mais regulares na primeira fase do campeonato. 

O modelo do play-off poderá ser mais polémico por dar mais oportunidades mesmo que as equipas não tenham sido tão regulares durante grande parte da prova. No entanto, na perspectiva dos adeptos, poderá ser benéfico, por permitir a realização de mais jogos, considerados de superior interesse. 

Após ouvir todas as vozes, o presidente da Federação deverá anunciar as novidades sobre o novo formato, no próximo mês de Abril. 

Mas o que pensa o leitor? Qual o modelo que prefere? Comente! #F.C.Porto