Barcelos foi o palco de mais um grande torneio de karaté. No Pavilhão Municipal realizou-se o X OPEN DE BARCELOS. Organizado pelo Clube de Karaté de Barcelos, o Open foi mais uma vez um sucesso, tanto na participação como na qualidade técnica dos intervenientes.

A Associação de Karaté Bushido AK Esposende esteve presente levando consigo a Equipa de Competição, representada por Joninhas Vilar, Fernando Albuquerque, Laura Santos e Gustavo Mota.

Como já tem sido habitual ao longo da época desportiva, a participação desta equipa transformou-se em pódios e em prestações de alto nível.

Mais uma vez Joninhas Vilar consegue o ouro em escalão cadetes -63kg com uma prestação de alto nível. É de salientar que com esta vitória já soma 14 pódios em 14 torneios, algo que está ao alcance de poucos, cabendo destacar que alguns desses pódios foram alcançados no estrangeiro, competido com a elite mundial do Karaté.

Este atleta recebeu no mês de Junho o reconhecimento da APOGK, com o prémio de mérito desportivo pela brilhante época 2015/16.

Laura Santos, em iniciados -30 kg, logrou um meritório segundo lugar numa final muito disputada.

No X Open de Barcelos também Fernando Albuquerque, combatendo como tem sido habitual num escalão acima do seu, e Gustavo Mota tiveram boas prestações, pese embora não tenham conquistado lugar no pódio.

Taça G Protect

O Open teve novamente um momento alto na parte da tarde com a “Taça G Protect “, uma competição que traz os melhores atletas nacionais e internacionais do karaté até a cidade de Barcelos.

Organizado pela empresa de Segurança G Protect, a prova consegue de ano para ano encher as bancadas do pavilhão, sendo esta edição mais uma vez um sucesso, com uma grande afluência de público, e trazendo mais uma vez os melhores Karatecas, que servem de exemplo para os mais novos.

Recorde-se que a entrada para o torneio foi gratuita, assim como para a Taça G Protect, já que o grande objetivo da prova é a afluência para divulgar a uma modalidade desportiva que, infelizmente, não tem o reconhecimento que deveria. #Entretenimento #Desportos Radicais