Este segundo dia do Estoril Classic arrancou logo de manhã com o “Masters Three Hours, que foi ganho pela dupla Graham Wilson / David Pittard em Lotus Elan 26R, a mesma dupla que havia garantido a pole no dia anterior. A mesma dupla garantiu também a volta mais rápida da corrida com um tempo de 2:01.979.

Nos #Fórmula 1 pós-1966, Nick Padmore, ao volante de um Shadow DN05 e que tinha feito a pole na qualificação, mas que tinha desistido na primeira corrida, acabou por vencer a segunda corrida e fixar a volta mais rápida em 1:40.465. Na segunda corrida dos “FIA Lurani Trophy”, a vitória acabou por sorrir ao italiano Pierre Tonetti ao volante do Brabham BT6 em mais um grande duelo com o seu compatriota Manfredo Di Montelera.

Publicidade
Publicidade

Para além da vitória de ontem no “FIA Lurani Trophy”, Manfredo Di Montelera garantiu também a vitória no “FIA Masters Historic Sports Cars” ao volante de um Abarth Osella PA1. O piloto italiano garantiu também a volta mais rápida com um tempo de 1:49.029.

Nos Fórmula 1 pré-1966 e no Iberian Touring & GT cars houve “repetentes” nas vitórias, o espanhol Joaquín Folch-Rusinol e o português Miguel Ferreira venceram as respetivas categorias.

Houve ainda tempo entre as provas para Markku Alen demonstrar os seus dotes ao voltante no Fiat que lhe deu a ganhar vários títulos de rallies. #Estoril Classic #Automobilismo