No final de Novembro, o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) anunciava que o número de desempregados em Portugal tinha diminuído. Ainda assim, cerca 600 000 portugueses não têm uma ocupação. Se esse é o seu caso, ou se está somente à procura de um novo emprego, este artigo é para si. Descubra quais as aéreas que prometem empregar mais pessoas em 2015.

  • Tecnologias da Informação (TI) - Um estudo da E-Skills in Europe, datado de Janeiro de 2014, prevê que em 2015 faltem em Portugal 8100 especialistas em TI. Em 2020 teme-se que a situação piore e existam 15 000 postos de trabalho por preencher. Esta é por isso uma boa área para apostar, seja para estudar, seja para trabalhar por conta de outrem. A contratar estão neste momento, que tenhamos conhecimento, a Prime It, a Blip e a Novabase. Se a sua ideia é emigrar, saiba que esta é também uma carência do resto da Europa a 27.
  • Turismo - Um inquérito realizado pela Hays Portugal a directores de empresas de turismo concluiu que 8 em cada 10 empregadores desta área têm intenções de contratar em 2015. Chefes de cozinha, sommeliers e técnicos de marketing digital serão os profissionais mais requisitados.
  • Marketing das Redes Sociais - Com o aumento do número de empresas a apostar em publicidade nas redes sociais, aumenta também a procura por profissionais capazes de gerir estas campanhas. Esta função acumula com a de produção de conteúdos para essas mesmas páginas. Como freelancer, ou por conta de outrem, este pode ser o seu novo emprego em 2015.

Se não encontrou nada nesta lista que lhe agrade ou que se sinta capaz de fazer, não desanime.

Publicidade
Publicidade

Ainda que em menor escala, há outras oportunidades a surgir todos os dias. Consulte informação sobre a elaboração do curriculum vitae e melhore o seu; adira a redes sociais profissionais, como o LinkedIn; prepare bem as suas entrevistas. Faça uma auto-análise e perceba quais são os seus pontos fortes e fracos, bem como as "mais-valias" que pode trazer para uma empresa para que brilhe na entrevista e vai ver que se destaca dos restantes candidatos e consegue o seu emprego de sonho. Em último caso, considere a mobilidade nacional e, se necessário, a internacional.

Boa sorte e bom ano!