A Repsol, uma das maiores companhias energéticas mundiais, voltou a abrir inscrições para jovens portugueses que pretendam realizar Estágios Curriculares de Verão. Estes estágios serão feitos em território nacional, sendo que a multinacional procura recém licenciados ou finalistas dos cursos de Engenharia, Economia, Gestão e Gestão de Empresas. À semelhança do que já vinha a acontecer em anos anteriores, estes estágios serão renumerados, o que constituí um incentivo aliciante para muitos jovens.

Os Estágios Curriculares da Repsol Portugal terão início em Junho, sendo que as candidaturas terão de ser, obrigatoriamente, feitas até ao dia 2 de Maio.

Publicidade
Publicidade

O principal objetivo da multinacional é contribuir para a formação de jovens promissores, bem como aprofundar a sua política no que respeita à valorização do capital humano.

A empresa prevê que estes estágios de Verão sejam de curta duração, ou seja, que, ao iniciar em Junho, terminem, aproximadamente, em Agosto ou Setembro, perfazendo, no máximo, um total de dois meses. As inscrições poderão ser feitas para um e-mail da Repsol destinando para o efeito: pessoas_organização@repsol.com.

A diretora dos Recursos Humanos da Repsol Portugal mostra-se satisfeita com este novo anúncio dizendo que "esta é uma oportunidade que poderá ajudar imensos jovens". Recorde-se que este programa de Estágios oferecidos pela Repsol é relativamente recente. A primeira edição realizou-se em 2013 e a partir de então a procura por parte dos jovens tem sido exponencial, fruto da instabilidade económica e da falta de oportunidades proporcionadas pelas várias empresas.

Publicidade

Uma das principais políticas da Repsol é contribuir para uma igualdade de oportunidades, bem como para o incremento do talento humano, e, desta forma, a companhia emprega mais de vinte e quatro mil pessoas em todo o mundo. A Repsol tem como atividades principais a exploração e produção de hidrocarbonetos e detém uma das maiores e mais eficientes refinarias a nível europeu. A nível mundial é inegável a sua forte presença e influência, estando representada em mais de três dezenas de países. #Desemprego