O ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) celebra na próxima segunda-feira, dia 15 de Dezembro, o seu 42º aniversário. Para assinalar a data, terá lugar no Grande Auditório da instituição universitária uma cerimónia comemorativa, que contará com extenso programa. O início do evento está agendado para as 16.30 horas. Fundada em 1972, com a designação de Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE), a universidade lisboeta adquiriu em Maio de 2009 o estatuto de Fundação Pública de direito privado, ano em que alterou igualmente a sua denominação para ISCTE-IUL.

Publicidade

De entre os vários pontos que constam no programa, destaque para as intervenções do Reitor da instituição, Professor Doutor Luís Antero Reto, do Presidente do Conselho Científico, Professor Doutor José Rebelo, e do Presidente do Conselho Pedagógico, Professor Doutor José Luís Saldanha.

Publicidade

Além das referidas intervenções, a cerimónia consiste ainda na entrega de insígnias aos novos doutores (ano lectivo 2013-14), nos prémios pedagógicos de docentes (2014), prémios Caixa Geral de Depósitos e prémios Excelência Académica, entre outras distinções.

O ISCTE-IUL, que conta com nove centros de investigação, situa-se na Avenida da Forças Armadas, em Lisboa, e conta actualmente com cerca de 9000 estudantes, 400 docentes e 200 funcionários não docentes. Ao nível da oferta educativa, o Instituto é constituído por 4 Escolas (Tecnologias e Arquitectura, Sociologia e Políticas Públicas, Ciências Sociais e Humanas e Gestão) e 16 departamentos. Em termos gerais, a universidade apresenta 16 licenciaturas e mestrados integrados, 95 mestrados e pós-graduações e 19 programas doutorais. Vários nomes da vida pública e política portuguesa realizaram a sua formação académica (ou parte da mesma) no ISCTE, como são os casos de Manuel Carvalho e Silva (ex-dirigente da CGTP-IN), Augusto Santos Silva (político, professor universitário e ex-ministro socialista) e Maria de Lurdes Rodrigues, ministra da #Educação entre os anos de 2005 e 2009..

Publicidade