O objetivo é que aquele agrupamento, no concelho da Póvoa de Varzim, seja inclusivo pela cor. Para isso está a ser feito o despiste do daltonismo (através de rastreios visuais aos alunos), a divulgação do código ColorADD (sistema de identificação de cores para daltónicos) e a sua implementação e consequente adoção nas escolas e bibliotecas escolares.

O projeto teve início em março de 2014 e até ao momento todos os alunos do 4º ao 9º ano do Agrupamento de Escolas de Aver-o-Mar já conhecem o código. O próximo passo será dotar todos os livros e material das bibliotecas escolares com o código. Para isso, alunos e professores vão trabalhar lado a lado. Vários alunos receberam já "kits ColorADD Aluno", que incluem um saco/mochila, lápis de cor e um caderno com imagens para colorir com informações sobre o daltonismo.

A responsável por esta ação é Maria Sá Moreira, professora de #Educação Especial na Escola Básica de Aver-o-Mar. A docente conta que a recetividade dos jovens tem sido surpreendente. "Ficam surpreendidos e facilmente aprendem o código". Nas apresentações perante os alunos, Maria Sá Moreira dá vários exemplos de locais onde já está a ser utilizado o código, como no metro, no Hospital S. João ou em etiquetas de roupa de algumas marcas. A professora lembrou que grande parte da informação que passa no dia-a-dia e muito daquilo que vemos contêm cor e que por isso os daltónicos se sentem discriminados. Daí o objetivo deste projeto nas escolas, como locais onde se formam cidadãos: incluir sem discriminar.

O daltonismo, que impede os portadores de identificarem corretamente as cores, é uma patologia que atinge muitas pessoas, sobretudo do sexo masculino. Estima-se que 8 a 10 por cento dos homens sejam portadores de daltonismo, limitando várias ações no seu dia-a-dia. Depois de a ColorADD ter lançado o código que ajuda a identificar as cores primárias, esta empresa, em conjunto com a NOESIS, está a projetar uma ferramenta (ColorADD Web Packer) para que os daltónicos consigam reconhecer as cores na internet, adianta o iOnline.