O IKEA é uma das mais conceituadas multinacionais que opera em Portugal e tem como objetivo crescer ainda mais no nosso país nos próximos anos. Sendo uma marca de referência na venda de mobiliário e #Decoração de interiores, diferenciou-se ao adaptar um design simples mas moderno e utiliza um conceito totalmente diferente do existente na concorrência, no que diz respeito às suas lojas. A quarta loja do Grupo IKEA será inaugurada no dia 17 de março em Braga, juntando-se assim às já existentes em Alfragide, Loures e Matosinhos. Está prevista a abertura de uma outra loja, durante o primeiro semestre deste ano, em Loulé.

Com base no anúncio feito pelo diretor de Expansão da IKEA Portugal, o objetivo da multinacional sueca é aumentar a sua quota de mercado no nosso país. Para tal será feito um investimento durante os próximos anos e que permitirá abrir novas lojas até 2017, alcançando um total de 10 lojas em Portugal. Para além das lojas, o Grupo IKEA tem ainda três unidades de produção sediadas em Paços de Ferreira, sendo que já ultrapassam os 3000 trabalhadores no nosso país.

Oportunidades de emprego em aberto no IKEA:

De momento a grande maioria das vagas são para Loures e Alfragide, mas existem ainda algumas vagas para Matosinhos e Paços de Ferreira. As ofertas são tanto para part-time, como para full-time e para áreas tão variadas como a restauração, logística, vendas, design de interiores, responsável de secção ou até team leader. A descrição pormenorizada das ofertas e as candidaturas podem ser efetuadas diretamente no site do grupo (Ikea.com/pt), mais precisamente na área “trabalhar na IKEA”.

Outras ofertas de emprego a decorrer:

José de Mello Saúde recruta para vários pontos de Portugal. Entra aqui para obteres mais informações sobre as vagas.

Conforama pretendem contratar mais de 130 colaboradores em 2016. Clica neste link para saberes quais as lojas que estão a recrutar.

Siemens está a contratar para Portugal, Angola e Moçambique. Podes encontrar mais informações através deste link. #Recrutamento #Carreiras