Ernesto Guevara, o filho mais novo do icónico revolucionário argentino «Che» Guevara, abriu uma agência de viagens de percursos de moto na ilha de Cuba, divulgou a agência Lusa. O herdeiro de um dos maiores símbolos da revolução cubana de Castro pretende rentabilizar o amor do pai pelas motorizadas. Recorde-se que Ernesto «Che» Guevara protagonizou uma viagem de moto pela América do Sul, onde aderiu aos ideais comunistas revolucionários.

Filho de «Che» Guevara criou a «Poderosa Tours» na ilha de Fidel Castro

Denominada «Poderosa Tours», em homenagem à lendária motorizada baptizada pelo pai, a agência de viagens do herdeiro de Guevara tem uma oferta de percursos em Harley Davidson que visa aliar as belas paisagens da ilha de Fidel ao contacto próximo com a #História recente, nomeadamente da revolução cubana.

Publicidade
Publicidade

Os percursos de moto podem durar entre 6 a 9 dias e ser adaptados a cada cliente. Estas viagens têm "tudo incluído", de acordo com o website daquela agência.

À beira de completar 50 anos, Ernesto Guevara é advogado e representante da sucursal da empresa estatal «A Poderosa» para o ramo do turismo. O nome da companhia é uma homenagem à motorizada Norton 500 com que «Che» percorreu a América Latina, entre 1951 e 1952, jornada que serviu já de inspiração a vários filmes, alguns deles bastante recentes.

Agência conta com colaboração do filho de António Diaz, companheiro do «Che»

Além do filho de Guevara, esta agência de viagens peculiar conta ainda com a colaboração do filho do guerrilheiro cubano António Diaz, fiel companheiro do médico argentino até ao final dos seus dias, nas montanhas bolivianas.

Publicidade

Camilo Sanchez é um dos guias da agência de viagens de Guevara. Entre os vários circuitos disponíveis, destacam-se a visita à fortaleza da Cabana, na capital de Cuba, Havana, uma das primeiras conquistas de «Che» Guevara durante a revolução castrista.

Outro dos percursos inclui uma passagem por Santa Clara, no centro montanhoso de Cuba, outro dos bastiões tomados por Guevara naquela que foi conhecida como a «Revolução dos Barbudos». Refira-se, a propósito, que é em Santa Clara que se encontra o mausoléu com os restos mortais de Ernesto «Che» Guevara, considerado um dos maiores guerrilheiros da história contemporânea.