Creio que o que falta muita coisa na Europa de hoje, mas penso que faltam sobretudo grandes "estadistas". Uma união tão forte precisa de governantes que não tenham medo de ir contra o eleitorado, por exemplo a indefinição sobre a crise da dívida persiste porque os altos dirigentes dos países do norte têm medo de ir contra o eleitorado, arrastando assim um problema "eternamente".

Com estas ideias afastam a Europa, criam cada vez mais assimetrias entre norte e sul, ódios e preconceitos entre os povos, que podem no futuro causar a queda do projecto.

Não há políticos com atitude de liderança, apenas temos governantes populistas, seguidistas ou tecnocratas.

Publicidade
Publicidade

A Europa está acéfala em termos sociais, económicos e políticos, sendo que os actuais governantes não têm grande visão futurista para o projecto, apenas querem ganhar as eleições que vão aparecendo e serem pouco incomodados pela imprensa ou por manifestações.

Ao não assumirem riscos, tornam o projecto parado e desactualizado, estão a tornar a U.E numa espécie de "clube", onde têm umas reuniões inconclusivas e onde discutem possibilidades ou coisas abstractas. Com o medo de perderem eleições, acabam por não fazer aquilo que está correcto, implementando apenas "de vez em quando" umas medidas avulsas, sem grande visão e com poucos resultados na vida do cidadão comum. Estes políticos incompetentes são também incapazes de lidar com lóbis ou com interesses das grandes empresas europeias porque são fracos lideres! E isso viu-se na resposta que a Europa deu ao "crash" de 2008, que foi uma resposta nula! Atribui-se ao cidadão a factura das asneiras do mercado especulativo! E poucas medidas de regulação para estes sectores foram tomadas! É muito difícil ver estes casos e não sentir desilusão, porque enquanto sociedade conjunta estamos a falhar, visto que também faltam movimentos de cidadãos ao nível europeu.

Publicidade

Os Europeus entregaram o poder á tecnocracia, a políticos "invertebrados" e aos lóbis. Os interesses que regem as políticas europeias são bastante duvidosos e todos os europeus devem unir-se para contrariar estes poderes instalados que em nada beneficiam os cidadãos!