Resumo da partida.

O Chelsea conquistou hoje uma importante vitória rumo ao título. Numa primeira parte com pouco interesse, foi o Chelsea a apontar o único golo da partida na única oportunidade de golo eminente que teve nos primeiros 45 minutos. Na segunda parte, o Chelsea foi controlando o jogo e deu a posse de bola ao United. Apesar de algumas boas oportunidades do United para marcar, criadas principalmente por Falcão, o Chelsea ia tentado aproveitar o contra-ataque e quando o fazia criava perigo para os Red Devils. Nos remates à baliza as equipas fizeram 3 remates cada (4 no total para os Blues, 8 no total para os Red Devils) mas no que diz respeito à posse de bola o United teve 72% contra 28% do Chelsea.

A equipa de Mourinho afasta definitivamente o United do título e fica agora com 76 pontos na tabela, mais 10 que o Arsenal com as duas equipas londrinas a terem o mesmo número de jogos. Na próxima semana o adversário do Chelsea de José Mourinho será precisamente o Arsenal naquele que será o grande jogo da jornada. 

Final da partida. Chelsea, 1 - Manchester United, 0.

90+4' - Cartão amarelo para Ander Herrera por simular um penalti.

90+3' - Substituição na equipa do Chelsea. Sai Hazard, entra Willian.

90+2' - Substituição na equipa do Chelsea. Sai Fàbregas, entra Obi Mikel.

90' - Vão-se jogar mais quatro minutos de compensação.

88' - Hazard está lesionado no relvado.

84' - Falcão aparece isolado frente a Courtois mas estava fora-de-jogo.

79' - Substituição na equipa do Manchester United. Sai Shaw, entra Blackett.

76' - Ao poste! Falcão isola-se no lado esquerdo do ataque do Unitede atira com estrondo ao ferro. A bola saiu para fora.

72' - De Gea defende com facilidade um remate de Hazard.

70' - Dupla substituição na equipa do Manchester United. Saem Young e Mata, entram Di María e Januzaj.

69' - Falcão atirou um grande remate com a bola a passar perto do poste.

68' - Remate de Rooney com Courtois a ter dificuldades para agarrar a bola.

66' - Substituição na equipa do Chelsea. Sai Óscar, entra Ramires.

64' - Rooney atira à baliza mas a bola é desviada por um defesa. É pontapé de canto.

62' - Cartão amarelo para Óscar.

61' - Viu-se neste minuto um pouco de United com uma boa defesa de Courtois a remate de McNair. Na sequência da jogada, Mata tem uma boa oportunidade mas atira por cima.

60' - O United tenta ter a bola mas não cria nenhum perigo para a baliza de Courtois. O Chelsea faz tremer os Red Devils no contra-ataque.

56' - Cartão amarelo para Ivanovic por falta sobre Shaw à entrada da grande área do Chelsea.

54' - Ao poste. Jogada de Drogba a rematar para defesa de De Gea. A bola fica à mercê de Hazard que acerta no poste quando o guarda-redes do United já estava batido.

53' - Cartão amarelo para Drogba por falta dura sobre McNair.

51' - Primeiros minutos com o United a tentar ter mais a bola e o Chelsea a tentar ripostar no contra-ataque.

Início da segunda parte. Sai o Chelsea com a bola.

Resumo da primeira parte.

Jogo muito morno com as equipas a criarem pouco perigo para os guarda-redes. O empate até se ajustava ao intervalo mas o Chelsea soube aproveitar a melhor ocasião de golo que teve durante os primeiros 45 minutos de jogo para se adiantar no marcador. Rooney podia ter marcado no início mas atirou para fora. A nível de grandes jogadas de perigo foi somente isto que se passou. Vamos ver nos segundos 45 minutos como reage o United e como o Chelsea vai gerir a vantagem.

Intervalo na partida. Chelsea, 1 - Manchester United, 0.

45' - Joga-se mais um minuto de compensação.

40' - Terry e Falcão "pegam-se" mas tudo foi sanado rapidamente.

37' - GOLOOOOO do Chelsea! Hazard desmarca-se bem e atira a contar com De Gea pela frente.

34' - Lance duvidoso onde De Gea parece tocar a bola com as mãos fora da grande área.

30' - Falta dura de Drogba sobre Herrera. O árbitro avisa o jogador do Chelsea.

29' - Drogba bate o livre contra a barreira.

28' - Livre perigoso para o Chelsea.

27' - O Chelsea chegou agora perto da baliza de De Gea e ganhou um pontapé de canto.

22' - O United está agora mais vezes instalado no meio campo do Chelsea.

17' - Até agora pouco perigo criado pelas duas equipas.

12' - Remate de McNair a passar perto do poste da baliza de Courtois.

10' - Jogo muito disputado a meio campo e com as equipas a estudarem-se mutuamente.

7' - Lance perigoso do Chelsea protagonizado por Fàbregas. Pontapé de canto.

3' - Rooney aparece em posição frontal mas atira a bola ao lado.

2' - O primeiro ataque do jogo pertence ao Chelsea, sem qualquer perigo.

17:30 - Início da primeira parte. Sai o United com a bola.

17:28 - As equipas já estão no relvado prontas para começar!

17:23 - As equipas ouvem no balneário as últimas indicações!

17:10 - As duas equipas cumprem o habitual período de aquecimento.

16:55 - Suplentes de Chelsea e Manchester United.

O Chelsea terá no banco de suplentes: Cech (GR), Filipe Luis, Ramires, Mikel, Williani, Cuadrado e Solanke.

O United terá no banco de suplentes: Victor Valdés (GR), Rafael, Blackett, Di Maria, Januzaj, Andreas Pereira e Robin van Persie.

16:50 - Onzes iniciais das duas equipas!

O Chelsea vai actuar com: Courtois (GR), Ivanovic, Azpilicueta, John Terry (c), Cahill, Zouma, Matic, Óscar, Fàbregas, Hazard e Drogba.

O Manchester United vai actuar com: De Gea (GR), Chris Smalling, Shaw, Patrick McNair, Ander Herrera, Antonio Valencia, Fellaini, Ashley Young, Juan Mata, Wayne Rooney (c) e Falcão.

16:45 - Antevisão feita pelos dos treinadores.

José Mourinho, treinador do Chelsea, refere que este tipo de jogos são "mais fáceis" visto que não precisa de motivar os jogadores; ou seja, qualquer jogador se motiva por jogar um grande clássico. Para Mourinho, o United é das melhores equipas do mundo e é um jogo que todos os jogadores querem jogar.

Já do lado do United, Louis van Gaal antecipa um jogo bastante difícil em Stamford Bridge. O treinador Holandês acredita que o Chelsea ficaria satisfeito com um empate mas que o adversário vai dar tudo para vencer a sua equipa. O treinador Holandês refere que o que o move e a Mourinho são os títulos. Van Gaal confirmou também que não vai contar com Rojo, Blind, Michael Carrick e Phil Jones para este jogo.

16:10 - Sejam bem-vindos a Stamford Bridge, casa dos Blues do Chelsea e onde se vai realizar o grande jogo da jornada!

Disputa-se hoje um dos jogos mais escaldantes da Premier League, o Chelsea vs. Manchester United. As duas equipas são nos últimos anos sempre consideradas crónicas candidatas ao título Inglês e têm nos seus plantéis jogadores capazes de resolver qualquer partida mais complicada. A equipa de Van Gaal chega ao terreno do Chelsea motivada pelas seis vitórias consecutivas que tem actualmente no campeonato, uma delas a semana passada frente ao grande rival de Manchester, o City, e motivada também pelas estatísticas que são favoráveis aos Red Devils em confrontos realizados em Stamford Bridge a contar para a Premier League. Por 70 vezes estas duas equipas se defrontaram no terreno do Chelsea e o United tem o maior saldo de vitórias, 30 vitórias contra 23 do Chelsea. Registaram-se ainda 17 empates. Aqui neste artigo estaremos só a falar de jogos realizados em casa do Chelsea.

O primeiro jogo entre estas duas equipas decorreu em 1907 registando-se uma vitória para o United por 4-1. Até ao início da década de 90, foi o United que mais dominou os jogos em Stamford Bridge e onde conquistou a maioria das suas vitórias frente ao Chelsea. A partir de então, e com os Blues a tornarem-se numa grande força do #Futebol mundial, foi o Chelsea a dominar mais conquistando 11 vitórias contra 6 do United. Antes disso, o United tinha vencido 24 jogos contra apenas 12 do Chelsea. Nestas vitórias vamos destacar do Chelsea vitórias por 6-2 em 1930 e por 5-0 em 1999. Do lado do United há mais resultados a destacar como um 3-6 em 1959 e o jogo com mais golos entre estas duas equipas com vitória para os Red Devils por 5-6.

Este jogo de hoje é decisivo para as duas equipas. Uma vitória do Chelsea permite aos Blues um grande passo para o título e o adeus definitivo do United ao mesmo. Uma vitória dos Red Devils mantém ainda vivo o sonho da equipa de Van Gaal poder chegar ao título mas no imediato a consolidação de um lugar de acesso #Directo à Champions League. De relembrar que o United ficou de fora das competições europeias esta época.