É oficial e foi confirmado na primeira pessoa. Zinedine Zidane vai "vestir" a camisola do Paris Saint-Germain no duelo desta terça-feira, dia 21 de Abril, frente ao Barcelona. O antigo craque gaulês é o actual treinador do Real Madrid Castilla, mas aliando a rivalidade com o Barcelona e claro está, a sua nacionalidade, não tem problemas em admitir que vai puxar pelos franceses. Para Zizou a tarefa é complicada, marcar 3 golos em Camp Nou, mas não é impossível. Junto a Ronaldo Fenómeno, desejou boa sorte a Laurent Blanc, antigo colega na selecção e actual timoneiro do PSG.

As revelações foram feitas à margem da apresentação de mais uma edição do Jogo da Pobreza que Zidane, em conjunto com Ronaldo, organizam de há alguns anos para cá. Sentado lado a lado com o também antigo craque canarinho, que curiosamente jogou no Barcelona e no Real Madrid, o francês deixou uma mensagem de apoio e de optimismo para o Paris Saint-Germain: "Sei que será muito difícil para o PSG marcar três golos em Camp Nou. É certo que para passar, terá de os marcar mas tenho a certeza que no plantel tem jogadores com a qualidade necessária para tornar isso mesmo possível. Dentro de campo tudo pode acontecer", afirmou Zizou.

Com vários elos de ligação aos parisienses, desde o treinador, Laurent Blanc, com quem foi campeão do mundo e da Europa pela selecção francesa, passando pelo facto de ser um clube do seu país e acabando na rivalidade que o seu actual em clube, Real Madrid, tem com o Barcelona, acaba por não estranhar este tomar de posição de Zidane em mostrar o seu apoio para com o Paris Saint-Germain. O treinador do Castilla, e que por muitas vezes já foi dado como possível sucessor de Carlo Ancelotti nos comandos dos Merengues, fez questão de recordar uma eliminatória em 1995-1996 quando ainda era jogador do Bordéus: "Perdemos na primeira mão dos quartos-de-final da Taça UEFA em frente ao AC Milan por 2-0, mas depois em casa viramos e vencemos 3-0. Nessa altura o Milan tinha uma grande equipa com Maldini, Baresi, Desailly, Weah e Baggio", reforçou o francês, mostrando que tudo pode acontecer.

O jogo em Camp Nou arranca quando forem 19h45 em Portugal. O Paris Saint-Germain entra com uma desvantagem de 3-1, mas conta para esta partida com os regressos de Ibrahimovic e Verrati. #Futebol