Embate de grandes no segundo jogo da primeira mão das meias-finais da #Liga dos Campeões. Depois da Juventus bater o Real Madrid (2-1) no jogo inicial, defrontam-se Barcelona e Bayern Munique. Um jogo entre duas das melhores equipas da prova e que marca o regresso de Pep Guardiola ao Camp Nou. Tem início marcado para as 19h45 de hoje (hora de Lisboa).

Os catalães, orientados por Luis Enrique, tentam voltar a uma final que já escapa há quatro anos. Uma equipa em que o "tridente" ofensivo é composto por Luis Suárez, Neymar e Lionel Messi, pelo que tem que ser vista com especial cautela pelos adversários. Ainda para mais, tendo marcado nada mais, nada menos, do que 14 golos nos últimos dois jogos disputados. Contra o Barcelona pode estar o facto de a equipa ainda estar na luta pelo campeonato, ao contrário do Bayern.

Do lado da formação bávara, a Liga dos Campeões é o único foco. O campeonato já está selado, o que permitiu a Guardiola fazer gestão e deixar alguns dos principais jogadores (Boateng, Müller, Bernat e Alonso) fora do relvado no último jogo da Bundesliga. Até agora, na fase a eliminar, o Bayern tem passado com relativo à-vontade, infligindo goleadas caseiras ao FC Porto e ao Shaktar Donetsk.

Comum às duas equipas é a posse de bola do seu jogo, com 62 por cento para cada uma no global da Champions até esta fase. Outro ponto coincidente são os treinadores espanhóis, e da mesma geração (Enrique, com um percurso de muito menos sucesso, e Guardiola, ambos com 44 anos). Luis Enrique espera algumas surpresas, precisamente por conhecer bem o treinador rival. Este, por seu turno, realça que é bem mais conhecido pelo Barcelona que o contrário.

Estatística não 'ajuda' Barcelona

Nos três jogos caseiros que o Barcelona disputou contra o Bayern Munique na Liga dos Campeões, perdeu por duas vezes e apenas venceu uma (logo com uma goleada, 4-0). O último confronto em Camp Nou foi a 1 de Maio de 2013, curiosamente também nas meias-finais da prova.

Equipas projectadas

Barcelona: Ter Stegen (Guarda-redes); Alba, Mascherano, Piqué e Dani Alves (Defesas); Busquets, Rakitic e Iniesta (Médios); Neymar, Messi e Suárez (Avançados)

Bayern Munique: Neuer (Guarda-redes); Rafinha, Benatia, Boateng e Bernat (Defesas), Alonso, Lahm e Alcântara (Médios); Müller, Lewandoski e Götze (Avançados) #Futebol