Escaldante. Esta é a palavra mais certeira para definir o jogo da próxima jornada que vai opor o CD Tondela e o GD Chaves, no próximo sábado, 16 de maio. O primeiro e segundo classificados da #Segunda Liga, encontram-se separados por escassos 3 pontos, a 2 jogos do final da competição. Se o jogo dentro das 4 linhas se antevê emotivo, a recente polémica com a atribuição de bilhetes aos clubes veio abrir uma guerra de nervos entre os dois emblemas.

Os dirigentes do Desportivo de Chaves alegam que lhes foram prometidos, há já alguns dias, várias centenas de bilhetes por parte do Tondela e, com base nessa cedência, iniciaram as diligências de reserva de autocarros. No entanto, os responsáveis tondelenses negam esta acusação, dado que, como é normal, têm todo o interesse em contar com o maior número de adeptos possível para um jogo tão importante. Tanto mais que os regulamentos da Liga apenas obrigam à cedência de 5 % da lotação do estádio, ou seja, cerca de 150 bilhetes.

Este episódio pode, no entanto, ser complexo e trazer problemas para o embate de sábado uma vez que, pelo que é dado a entender pelos adeptos flavienses, o facto de não possuírem ingresso para o jogo não vai ser motivo para não rumarem a Tondela, o que certamente vai criar problemas de segurança no dia do jogo. É que os adeptos do CD Tondela vão querer também assistir ao jogo, conforme  o demonstra a grande afluência aos últimos encontros dos beirões e também pelo caráter decisivo da partida.

De salientar que tudo pode ficar decidido neste jogo já que o CD Tondela, o líder, e o Desportivo de Chaves treinado por Carlos Pinto,  são os dois primeiros classificados da Segunda Liga, separados por apenas 3 pontos. Em caso de vitória dos comandados de Quim Machado, fica resolvida a atribuição do título de campeão, já que fica a faltar apenas uma jornada para o final do campeonato.

O Desportivo de Tondela, que sempre assumiu a candidatura à subida de divisão, já esteve com uma vantagem de 7 pontos face ao segundo classificado mas, nos últimos 2 jogos, foi derrotado pelo Aves e o Olhanense.