As trocas de acusações, entre os técnicos das equipas do #Futebol Clube do Porto e Sport Lisboa e #Benfica, parecem continuar. Desta vez foi Julen Lopetegui que, no final do encontro entre FC Porto e Gil Vicente, acusou o treinador do Benfica de dizer tudo aquilo que lhe apetece. O treinador basco, desta vez, não gostou de ouvir do técnico encarnado que os dragões venceriam claramente o Gil Vicente e que o Benfica não se ia sagrar bicampeão nacional este fim-de-semana.

"Esse tipo de declarações não me surpreende", atirou Lopetegui, justificando-se que Jorge Jesus fala o que quer sobre todos porque tem um manto protector. "Fala debaixo de um manto protector, mas no dia em que deixar esse manto, irá conhecer a realidade", afirmou. No entanto, o treinador espanhol admitiu que o Benfica tem excelentes jogadores e uma excelente equipa, mas que sem esse manto protector não passou nos grupos da Liga dos Campeões (ficando em último no seu grupo). Ao que tudo indica, Lopetegui usa manto protector para não usar as palavras como elas são, referindo-se, talvez, aos árbitros. O técnico da equipa azul e branca disse ainda que respeita todos os seus colegas de profissão e que Jorge Jesus não era excepção. "Perdi o respeito quando foi contradizer-se para um jornal", atirou Lopetegui.

Este tipo de situação já não ocorre pela primeira vez esta temporada. Recorde-se que no "jogo do título", em que o Futebol Clube do Porto precisava de vencer o Benfica para ficar com a mesma igualdade pontual, mas que terminou empatado a zero, no final do encontro, e depois de um longo abraço entre os dois, o técnico espanhol terá dito que não gostou de ver o seu colega de profissão trocar-lhe o nome por mais que uma vez em conferências de imprensa. Estas afirmações causaram confusão porque Jorge Jesus alegou que foi apertado no braço com força e daí ter partido para a troca de acusações.

No campeonato nacional, o Benfica pode sagrar-se bicampeão nacional na próxima semana frente ao Vitória de Guimarães, desde que saia da cidade berço com uma vitória ou esperar que o FC Porto não vença o Belenenses. #F.C.Porto