Este é o jogo por que todos os adeptos benfiquistas esperavam. O dia em que se podem sagrar campeões nacionais pela 34ª vez. Os preparativos para a consagração já vêm sido tratados há algumas semanas, para que a equipa seja recebida no Marquês de Pombal com popa e circunstância. Mas, para festejar, os encarnados terão de vencer o Guimarães.

O Vitória de Guimarães deverá apresentar-se para este jogo de forma mais descontraída, e completamente sem pressão, uma vez que o apuramento para as competições europeias já está assegurado. Este aspecto pode dificultar as contas a Jorge Jesus, que certamente vai ter um plantel carregado de pressão, à procura da vitória, para que possa levar mais um título para o Museu Cosme Damião.

Na última jornada, os vimaranenses foram à Madeira, de onde saíram derrotados por 2-1, frente ao Nacional. O conjunto de Rui Vitória já não tem mais nada que possa ganhar, a não ser o 4º lugar, em caso de deslize do SC Braga, uma vez que irá defrontar o Sporting. Mas nem uma derrota chegava para os vimaranenses ultrapassarem os arsenalistas na classificação.

Os encarnados chegam a este jogo com a motivação em alta. Vêm de uma série de goleadas que parece não ter fim. Depois do empate frente aos Dragões, a formação de Jorge Jesus nunca mais parou. Venceu o Gil Vicente por uns expressivos 5-0, e depois também derrotou o último classificado, Penafiel, por 4-0.

Em caso de vitória no reduto vimaranense, os encarnados podem festejar de imediato o 34º título de campeões nacionais, uma vez que o FC Porto está a 3 pontos de distância. No entanto, um desaire da formação encarnada, e uma vitória dos Dragões, poderia trazer uma grande instabilidade para o clube da Luz.

Em antevisão ao encontro, Jorge Jesus admitiu que este jogo iria ser mais complicado que o de Barcelos: "Vamos ter mais dificuldades do que em Barcelos porque o Vitória tem melhor equipa". O treinador disse também que "o #Benfica tem um ADN muito mais ofensivo do que defensivo e qualquer equipa que jogue contra o Benfica tem isso em conta". Para Jorge Jesus este será o título mais importante: "É claro que este talvez seja o título mais importante para mim, para os jogadores e para a nação benfiquista, que há cerca de 30 anos que não é bicampeã. Eu também nunca fui".

Quanto ao seu futuro, JJ disse: "Real Madrid? Não posso falar em questões que não têm nada a ver comigo. O que eu sei é o que eu quero. Depois de tudo isto acabar vamos ver o que acontece. Como diz o outro, o Futuro a Deus pertence".

Rui Vitória também fez a sua antevisão do encontro, começando por dizer que uma vitória frente ao Benfica seria "a cereja no topo do bolo" depois de uma época em que tiveram um "desempenho muito positivo". Os objetivos estão concluídos, disse o técnico, mas não vai desistir do 4º lugar, e, para isso, precisa de uma vitória frente aos encarnados. O treinador afirmou ainda que "espera-nos um jogo tremendamente difícil. Dificilmente alguma equipa tem ganho ao Benfica. Mas quero lembrar que o nosso estádio é um dos três estádios em que o Benfica não joga em casa. Aqui, em Alvalade e no Dragão o Benfica não joga em vantagem na massa adepta. Das equipas que está no topo da competição ainda nenhuma aqui passou".

Convocados Vitória de Guimarães:

Guarda-redes: Douglas e Assis

Defesas: Josué, Luís Rocha, Moreno, João Afonso, Arrondel e Nii Plange

Médios: André, Bruno Alves, Otávio e Bouba

Avançados: Tomané, Jonatan, Ricardo, Sami, Alexandre Silva, Gui e Ricardo Valente

Convocados Benfica:

A lista de convocados ainda não foi divulgada.

Ausências:

Nos vimaranenses, Bruno Gaspar está lesionado, enquanto Cafu e Bernard estão afastados devido a castigo. No Benfica, César está de fora por lesão, e Samaris também não vai a jogo, devido a castigo. #Primeira Liga Portuguesa