No passado dia 5 de maio, a #Juventus garantiu a vitória por 2-1, em casa, contra o Real Madrid (que jogou com cerca de 7 a 8 jogadores, por falta de comparência da restante equipa). Enquanto a outra equipa espanhola em competição, o FC Barcelona, no dia 6, recebeu e ganhou ao FC Bayern Munique por 3-0. Não seria de esperar outra coisa. Para além de terem o apoio dos seus adeptos, obviamente, também os portistas estavam a apoiar a equipa da Catalunha.

Por muito pouco que a equipa de Ancelotti tenha jogado contra a Juventus e por muito que gostasse que a Juventus voltasse à ribalta do futebol europeu (indo a uma final ou até ganhando uma competição europeia), acredita-se que o Real Madrid tenha qualidade suficiente para dar a volta no Bernabéu e qualificar-se para a final da #Liga dos Campeões.

No entanto, na outra meia-final, o resultado final não é assim tão claro. Nos jogos contra o FC Porto, o FC Bayern Munique acabou por perder por 3-1 em Portugal, mas goleou, em Munique, por 1-6, num dos jogos mais desastrosos da equipa portista, que até então, não conhecia o sabor da derrota nesta edição da competição europeia. Para além da equipa do FC Barcelona não ser a equipa do FC Porto (lá porque tem muitos espanhóis, não é bem a mesma coisa), ainda só foi derrotada uma vez, ainda na fase de grupos.

Ora, com o 3-0 na primeira mão, os catalães vão ao Allianz Arena tentar manter o resultado que conseguiram no Camp Nou, embora o FC Bayern Munique seja muito forte em casa, como foi possível ver na segunda mão dos quartos-de-final. O jogo entre o Real Madrid e a Juventus também vai ser interessante, pois espera-se que a restante equipa do Real Madrid apareça para fazer frente à equipa de Turim ou então veremos a Juve, mais uma vez, numa final europeia.

De qualquer das formas, os últimos dois jogos que ainda faltam até à final vão ser interessantes, pois ainda está tudo em aberto na mesma. Todas as 4 equipas podem ainda qualificar-se para a final da Liga dos Campeões, sendo que a Juventus é quem tem mais a ganhar com a qualificação, tendo a oportunidade de devolver as luzes da ribalta à Vecchia Signora.
#F.C. Barcelona