Cristiano Ronaldo está ciente que esta época foi inferior a Messi. Depois de uma temporada decepcionante, onde não conquistou nada e somou exibições muito fracas, o português já dá a Bola de Ouro como perdida. O vídeo de ontem publicado nas suas redes sociais demonstrou um Ronaldo triste com o último ano. Contudo, Cristiano torce pela Juventus, para estragar o legado de Messi.

Com a inteligência desportiva que Ronaldo já nos habituou, ele sabe que foi inferior em todos os aspectos em relação a Lionel Messi, que elevou o seu nível futebolístico e conduziu o Barcelona ao título da Liga Espanhola e à final de hoje da Liga dos Campeões contra a Juventus, na qual os catalães são favoritos. #Cristiano Ronaldo, que “luta” contra Messi na lista de melhores jogadores de sempre, tem noção que uma nova conquista da “Champions” por parte de Lionel Messi pode significar que o argentino o ultrapasse oficialmente na lista dos melhores jogadores da história do futebol.

O Real Madrid esteve muito abaixo das expectativas iniciais e, apesar de muito dinheiro investido e da contratação de nomes sonantes, o clube da capital espanhola teve um dos piores anos desportivos dos últimos tempos. Ronaldo sente que já não está num clube de mentalidade vencedora e falou pessoalmente com Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, fazendo-lhe um ultimato: ou aceita as exigências do português ou então este começa a procurar um novo destino, sendo que PSG e Manchester United são os clubes mais prováveis.

Ao contrário do que aconteceu nos últimos dois anos, nas quais Ronaldo conquistou duas Bolas de Ouro merecidamente, o português percebe que este ano não merece o título de melhor jogador do planeta e que será Lionel Messi a “roubar-lhe” esse prémio. “Este ano foi muito negativo. Mas conto com o vosso apoio”, disse Ronado num pequeno vídeo nas suas redes sociais. Apesar desse prémio individual estar perdido, Cristiano está a torcer pela Juventus nas final desta noite, sobretudo por causa do legado de Messi e das conquistas do Barcelona.