Aos 27 anos, o ex-jogador do Sporting Bruno Pereirinha, que atualmente estava sem clube, vai jogar nos brasileiros do Atlético Paranaense. A situação não é inédita, mas quase. Pereirinha vai ser um dos poucos atletas da história do futebol português com oportunidade de jogar por uma equipa brasileira. O jogador está entusiasmado. O contrato é válido por 2 anos.

A revelação foi feita pelo site oficial do clube brasileiro: "Este é um novo desafio para mim e estou com muita vontade de começar num clube que superou as minhas expetativas pelas condições que oferece aos atletas", revelou o jogador português.

O lateral-direito frequentou as camadas jovens do Belenenses, chegando depois ao Sporting. Por empréstimo deste último, atuou no Olivais e Moscavide, no Vitória de Guimarães e no clube grego do Kavala. Ao sair a custo zero do Sporting, Pereirinha representou a Lázio, onde esteve 3 temporadas.

O Atlético Paranaense ocupa atualmente o 8º lugar no Brasileirão e acaba de ganhar mais um reforço para o que falta do campeonato. O mercado de transferências continua assim a dar que falar.

Os (poucos) portugueses que jogaram no Brasil

Paulo Madeira (que jogou no Fluminense em 2003) e Dominguez (que representou o Vasco da Gama em 2005) foram os últimos portugueses a jogar no Brasil. Na verdade não deixaram grandes recordações entre os adeptos. Aliás, é uma situação recorrente com muitos dos poucos portugueses que jogaram no país irmão.

Rogério de Carvalho, que no mundo do futebol era apelidado de "Pipi", foi figura emblemática do Benfica e da Seleção Portuguesa. No Brasil jogou no Botafogo em 1947. Conta-se que as suas exibições foram tão fracas que num jogo o seu treinador acabou por expulsá-lo do campo.

Jorge Silva esteve em 1997 no Vitória da Bahia. Depois de ter esperado durante 3 meses para que fossem resolvidos os problemas burocráticos, acabou por se estrear num particular, sendo de seguida... dispensado.

No entanto, também existiram histórias felizes no Brasil. Fernando Peres, que foi um dos convocados da seleção portuguesa para a excelente prestação feita no mundial em 1966, deixou o Sporting e rumou ao Vasco da Gama em 1974 (onde se sagrou campeão). No ano seguinte jogou no Recife. Foi sempre um jogador muito bem visto pelos clubes brasileiros.

Jacinto João, médio internacional português que durante anos brilhou com a camisola do Vitória de Setúbal, já no fim da carreira emigrou para o Brasil, jogando na Portuguesa em 1975 e 1976. Conquistou os adeptos do clube.

Fernando Augusto, oriundo de Trás-os-Montes, praticamente fez toda a sua carreira no Brasil e sempre com sucesso. Jogou pelo Bangu em 1955, pelo Ferroviário entre 1956 a 1966 e no Vasco da Gama de 1966 a 1968.

Para além deste jogadores, no Brasil jogaram ainda Lito, no Vasco da Gama em 1979 e Rui Carneiro em 1940 no Vitória da Bahia. #Curiosidades #Mercado de Transferências