Resumo do jogo.

Um resultado que caiu que nem uma bomba no mundo do futebol! Ninguém esperava uma vitória do Atlético de Bilbau principalmente por números tão dilatados, mas para quem viu o jogo a vitória da equipa basca assenta que nem uma luva não só pela forma como aproveitou com extrema eficácia as oportunidades que foi tendo como também pela forma que conseguiu anular um Barcelona que deixou muitos titulares de fora desta partida e que esteve desastrado no capítulo defensivo. Aduriz foi a grande figura da partida ao apontar um hat-trick.

A primeira parte começou com as duas equipas a procurarem assentar os respetivos modelos de jogo e com precauções de parte a parte. Goni dá o primeiro aviso aos 11 minutos obrigando ter Stegen a ter que se aplicar a fundo para defender a bola mas aos 14 minutos o guarda-redes alemão faz um mau passe e do meio-campo e San José acaba por fazer um chapéu perfeito que culmina no primeiro golo da partida. O Barcelona foi tomando conta da posse de bola mas não criou perigo para a baliza de Iraizoz, a melhor ocasião para a equipa catalã apareceu já em período de compensação através de um livre direto de Messi mas o guarda-redes da equipa basca respondeu com uma enorme defesa.

Na segunda parte o Barcelona entrou a comandar a partida e em dois minutos poderia ter marcado (50 e 51 minutos) através de Pedro Rodríguez que isolado perante Iraizoz rematou à barra e através de Messi que permitiu mais uma grande defesa ao mesmo Iraizoz. Logo após estas jogadas, aos 53 minutos, o Atlético de Bilbau marca o segundo golo na partida por intermédio de Aduriz. A equipa do Barcelona sentiu o golo e não foi a equipa dominadora que costuma ser, a falta de organização foi até evidente na defesa e aos 62 minutos Daniel Alves corta mal a bola e Goni assiste Aduriz para o 3-0, o mesmo Daniel Alves volta a estar mal seis minutos depois cometendo uma grande penalidade por mão na bola, Aduriz não desperdiça fixando o marcador e 4-0. Até ao final do jogo o Barcelona foi procurando pelo menos um golo mas os seus jogadores estavam em dia não.

Na próxima segunda-feira vai ser jogada a segunda mão em Camp Nou e os catalães não têm tarefa fácil. A conquista da Supertaça parece um objetivo distante.

Final do jogo. Atlético Bilbau, 4 – Barcelona, 0.

90+3' - Cartão amarelo para San José por falta dura sobre Suárez.

90+1' - Cartão amarelo para Iniesta por protestos.

90' - Três minutos de tempo de compensação.

88' - Cartão amarelo para Gurpegi por falta sobre Iniesta.

86' - Suárez tenta isolar Messi mas Iraizoz antecipa-se e agarra a bola.

85' - Substituição no Atlético de Bilbau. Sai Susaeta, entra Boveda.

80' - Cartão amarelo para Mascherano por falta sobre Susaeta.

77' - Substituição no Atlético de Bilbau. Sai Goni, entra Gurpegi.

76' - Remate de Messi desviado para canto.

75' - Cartão amarelo para Susaeta e Etxteita do Atlético de Bilbau.

72' - Substituição no Barcelona. Sai Pedro, entra Sandro Ramirez.

70' - Messi remata para fora.

68' - GOLO DO ATLÉTICO DE BILBAU! Aduriz engana ter Stegen e faz o quarto golo!

67' - Penalti para o Bilbau por mão na bola de Daniel Alves, o jogador brasileiro vê o cartão amarelo.

66' - Substituição no Atlético de Bilbau. Sai Sabin Merino, entra Lekue.

62' - GOLO DO ATLÉTICO DE BILBAU! Daniel Alves corta da bola de forma defeituosa e entrega de bandeja a bola a Goni que assiste Aduriz para fazer o terceiro golo.

60' - Substituição no Barcelona. Sai Sergi Roberto, entra Rakitic.

55' - Remate de Luis Suárez ao lado.

53' - GOLO DO ATLÉTICO DE BILBAU! Contra a corrente do jogo Aduriz aponta o segundo de cabeça, o cruzamento foi de Sabin Merino.

52' - Substituição no Barcelona. Sai Rafinha, entra Iniesta.

51' - Iraizoz faz uma grande defesa a remate de Messi, o Barcelona entra forte à procura do empate.

50' - À barra! Pedro isolado frente a Iraizoz atira com força ao ferro.

49' - Grande confusão na grande área do Barcelona mas a bola acaba por não ir para a baliza.

Início da segunda parte.

Intervalo no jogo. Atlético Bilbau, 1 – Barcelona, 0.

45+1' - Grande defesa de Iraizoz! O livre de Messi obriga o guarda-redes do Bilbau à defesa da noite.

45' - Beñat vê o cartão amarelo na sequência da falta.

45' - Pedro é derrubado perto da meia-lua da grande área do Bilbau. Livre ao jeito de Messi.

44' - Cartão amarelo para Goni por derrube a Pedro Rodríguez quando este tentava o contra-ataque.

41' - Cartão amarelo para Pedro por derrube a Susaeta.

38' - Livre batido por Messi sem perigo para a baliza de Iraizoz.

27' - Agora foi Suárez a criar perigo mas a defesa do Bilbau alivia a bola para canto.

26' - Bom lance de ataque do Bilbau mas Goni não dá a melhor sequência ao lance.

24' - O Barcelona tem mais posse de bola nesta fase do jogo mas não consegue criar perigo para a baliza de Iraizoz.

16' - O Bilbau carregou um pouco mais no ataque e conseguiu chegar ao golo, o Barcelona tenta acordar no jogo.

14' - GOLO DO ATLÉTICO DE BILBAU! San José faz um chapéu perfeito do meio-campo a ter Stegen após um passe falhado deste.

12' - Laporte tenta o cabeceamento mas a bola sai sem direção.

11' - Boa defesa de ter Stegen a remate de Goni, foi até agora a melhor ocasião do encontro.

6' - Suárez foi apanhado em fora-de-jogo. A partida começa com as equipas a estudarem-se mutuamente.

21:00 - Início da primeira parte.

20:57 - As equipas já estão em campo. Está quase a começar o jogo!

20:50 - Onze inicial e suplentes do Atlético de Bilbau.

Onze inicial: Iraizoz (GR), De Marcos, Etxeita, Laporte, Mikel Balenzaiaga, Beñat, Mikel San José, Susaeta, Javier Eraso Goni, Sabin Merino e Aduriz.

Suplentes: Herrerín (GR), Eneko Boveda, Inigo Lekue, Ager Barrutia, Gorka Elustondo, Gurpegi e Sola.

Treinador do Atlético de Bilbau: Ernesto Valverde.

20:50 - Onze inicial e suplentes do Barcelona.

Onze inicial: ter Stegen (GR), Daniel Alves, Marc Bartra, Thomas Vermaelen, Adriano, Sergi Roberto, Javier Mascherano, Rafinha, Luis Suárez, #Lionel Messi e Pedro Rodríguez. 

Suplentes: Claudio Bravo (GR), Gerard Piqué, Sergio Busquets, Ivan Rakitic, Andrés Iniesta, Sandro Ramirez e Munir El Haddadi.

Treinador do Barcelona: Luis Enrique.

19:30 – Conquistas e confrontos entre as duas equipas na Supertaça.

Hoje entram em campo duas das equipas que mais troféus conquistaram em Espanha. Contudo, e no que diz respeito à Supertaça, o Barcelona já conquistou o troféu em 11 ocasiões ao contrário do Atlético de Bilbau que apenas venceu por uma vez a competição. Em termos de confrontos estas duas equipas encontram-se pela terceira vez nesta Supertaça tendo o Barcelona vencido nas duas edições anteriores em 1983 e em 2009.

17:00 – Sejam bem-vindos ao San Mamés, casa do Atlético de Bilbao e palco da 1ª mão da Supertaça espanhola.

Começa hoje oficialmente a época em Espanha. O Barcelona e o Atlético de Bilbau entram em ação hoje às 21h00 para iniciar a decisão do vencedor da Supertaça que é decidida a duas mãos. O Barcelona entra em campo como vencedor absoluto em Espanha tendo conquistado a época passada a Liga Espanhola e da Taça do Rei aos quais juntou a tão ambicionada Liga dos Campeões. Já o Atlético de Bilbau foi o finalista vencido na edição da Taça do Rei da época passada tendo terminado a Liga Espanhola no sétimo lugar.

A equipa catalã procura conquistar mais um troféu neste início de época. Na passada terça-feira o Barça venceu a Supertaça Europeia derrotando o Sevilha por 5-4 após prolongamento num jogo impróprio para cardíacos e no qual os catalães estiveram a vencer na segunda parte por 4-1 mas sem que nada o fizesse prever consentiram o empate. O Atlético de Bilbau também já entrou em ação está época apurando-se para o playoff da Liga Europa onde vai defrontar o Zilina da Eslováquia.

A edição deste ano da Supertaça vai começar com ausência de peso nas duas equipas. Do lado do Barcelona são sonantes as ausências de Neymar e Jordi Alba por lesão já para não falar dos reforços Aleix Vidal e Arda Turan que só poderão atuar em Janeiro devido ao facto dos catalães não poderem inscrever jogadores. Do lado do Atlético de Bilbau são quatro os jogadores importantes que não vão poder dar o seu contributo à equipa, falamos de Ander Iturraspe, Iker Muniain, Iñaki Williams e Mikel Rico. #Directo #F.C. Barcelona