O #Benfica foi castigado pela UEFA devido ao comportamento incorreto dos adeptos. Um "grupo minoritário" de adeptos do Benfica causou distúrbios no Vicente Calderón. Foi utilizado material pirotécnico que causou ferimentos ligeiros numa criança. A equipa encarnada partiu ontem para Istambul, para disputar o jogo da 3.ª jornada da #Liga dos Campeões diante do Galatasaray.

O Benfica conheceu no dia de ontem, 19 de Outubro de 2015, a sanção aplicada ao clube devido ao comportamento incorreto do público, no jogo da segunda jornada da Liga dos Campeões, em casa do Atlético de Madrid. Recorde-se que alguns adeptos encarnados lançaram material pirotécnico que causou ferimentos ligeiros em adeptos do Atlético de Madrid, entre os quais, uma criança.

A UEFA castigou o clube encarnado com a realização de um jogo à porta fechada, caso no prazo de dois anos, os adeptos voltem a causar incidentes da mesma ordem em jogos europeus. Caso a pena seja efetuada, será a primeira vez que o Benfica irá realizar um jogo à porta fechada. Para evitar tal sanção, a direção do clube está a averiguar novas medidas de segurança, podendo ser a não requisição de bilhetes para os jogos europeus fora da Luz e/ou venda de bilhetes apenas a sócios/adeptos que apresentem identificação.

A direção do Benfica também já pediu ao Atlético de Madrid os nomes dos oito adeptos (sete dos quais sócios encarnados) que foram identificados e punidos com a proibição de entrar em estádios espanhóis durante os próximos dois anos, para agir também em conformidade nos jogos do clube. Para além da pena suspensa de um jogo à porta fechada, o Benfica também foi condenado a pagar uma multa de 20.000€.

O presidente colchonero já reagiu à punição da UEFA, que também castigou o Atlético de Madrid com uma multa de 11.000€ por estarem bloqueadas as saídas das bancadas onde ocorreram os incidentes com os adeptos encarnados: "O Atlético portou-se perfeitamente, tanto dentro como fora de campo. Se nos tivesse sido dada uma sanção como recebeu o Benfica era uma injustiça. Não é normal que uma equipa pague por receber adeptos rivais que causam conflitos. Não me meto nisso. Só sei que o Atlético, tanto neste caso como com o Marselha, é totalmente inocente".

O Benfica partiu para Istambul, e Rui Vitória convocou 20 jogadores para o 3.º encontro da Liga dos Campeões, onde o clube se encontra em 1.º lugar, com duas vitórias: Ederson, Júlio César e Paulo Lopes; Lisandro López, Jardel, Luisão, Eliseu, André Almeida e Sílvio; Gaitán, Pizzi, Fejsa, Gonçalo Guedes, Carcela, Talisca, Victor Andrade e Samaris; Jonas, Raúl Jiménez e Mitroglou.

No outro jogo do grupo, o Atlético de Madrid recebe o Astana no Vicente Calderón.