A #Selecção Nacional de Sub-21 somou na visita à Grécia a terceira vitória consecutiva em igual número de jogos disputados no Grupo 4 da fase de apuramento para o Campeonato da Europa de 2017. 4-0 foi o resultado final, num encontro em que Gonçalo Guedes, foi o protagonista da equipa treinada por Rui Jorge, sempre superior aos helénicos. Portugal totaliza, assim, nove pontos, mais mais cinco do que Albânia e Israel, segundo e terceiro classificados, respectivamente, embora os albaneses ainda possam reduzir hoje a desvantagem para dois pontos. Na primeira parte o conjunto das quinas foi sempre superior, com várias oportunidades para inaugurar o marcador, mas o golo só surgiu pouco antes do intervalo, na sequência de contra-ataque finalizado pelo extremo do #Benfica. Portugal entrou bem no segundo tempo e, logo aos cinco minutos, Gelson Martins aumentou a contagem para 2-0, após assistência de Gonçalo Guedes.

Final demolidor

Pouco antes do final, João Cancelo aumentou a contagem, ao aproveitar  mais um passe decisivo executado pelo extremo-direito do Benfica, após as boas oportunidades criadas por Francisco Ramos e Bruno Fernandes. Na última jogada do desafio, Gonçalo Paciência, assistido por Iuri Medeiros, concretizou o 4-0. Nesta qualificação Portugal brilha não só no ataque, com 12 golos marcados, como no sector defensivo, uma vez que apenas sofreu um tento.

A selecção nacional volta actuar no próximo dia 12 de Novembro, diante da Albânia, num encontro que será disputado em Arouca.

Confirmação de Gonçalo Guedes

Gonçalo Guedes marcou hoje o terceiro golo nesta época em que se afirma como titular na equipa principal do Benfica. Antes, ao serviço dos encarnados, assinou remates certeiros diante de Paços de Ferreira e Atlético de Madrid.

Portugal e Grécia alinharam da seguinte maneira: 

Portugal - Bruno Varela; João Cancelo, Edgar Ié, Tobias Figueiredo, Rafa, Rúben Neves, Bruno Fernandes, Ricardo Horta (Gonçalo Paciência, 61') Gelson Martins (Iuri Medeiros, 62'), Gonçalo Guedes e Ronny Lopes (Francisco Ramos, 70').

Grécia: Barkas; Chouchoumis, Risvanis (Pouggouras, 45') Vouros, Saliakas (Savvidis, 73'), Siopis, Donis, Charisis, Mavrias, Ioannidis e Tsilianidis.