Resumo do jogo. 

Pode-se considerar o empate um resultado justo, embora a atitude demonstrada pelo Vasco da Gama durante o jogo talvez merecesse outro resultado.  O Corinthians, possivelmente devido à pressão da conquista título, não conseguiu apresentar o seu #Futebol. Falhou muitos passes (Renato Augusto e Jadson não estiveram nada bem) e teve dificuldades em muitos momentos de se organizar no ataque. Foi ao clube da casa que pertenceu a primeira grande oportunidade.  Aos 15', Rafael Silva rematou para uma defesa de Cássio. Aos 19', o guarda redes do Corinthians tirou o golo a Riascos. Aos 27', uma saída precipitada de Cássio quase deu o golo a Rodrigo que, cabeceou por cima da baliza. Aos 29', surgiu o primeiro lance de perigo do Timão, um remate de Renato Augusto passou muito perto da baliza de Silva. Aos 32', Jadson cruzou, mas Elias muito mal, não soube dar o melhor destino à bola. Na 2ª parte, ambas as equipas tiveram menos oportunidades, mas foram mais eficazes. Aos 16', tudo ficou mais difícil para o Vasco, Rodrigo foi expulso, por ter encostado o pé na cara de Malcom. No entanto, aos 27', o Vasco conseguiu chegar ao golo. Julio Cesar rematou rasteiro e bateu Cássio. Aos 34', Lucca cabeceou na área e bola passou muito perto da baliza do Vasco da Gama. Aos 36', Vagner Love restabeleceu a igualdade. 

Análise de Tite à época e ao jogo do Corinthians.

Segundo o jornal Record, Tite fez uma abordagem à  época e a este encontro: "Eles (Vasco da Gama) perceberam, lamberam as feridas num momento que foi cruel, como foi a nossa saída do Paulista, jogando o que estávamos a jogar. E, nos penáltis, ficámos fora. Jogamos muito também na Libertadores e, depois, veio um campeonato tão difícil como é o #Brasileirão e a equipa chega ao título a três jornadas do final". De acordo com a mesma publicação, o Treinador falou ainda de forma irónica  sobre a sua influência para a conquista do campeonato do Timão. Descreveu-se como apenas "mais um entre um bando de loucos".

49 - Final da partida. O Corinthians e o Vasco da Gama empataram a 1. Face à derrota do Atlético MG com o São Paulo (4-2), o Timão celebra o seu sexto campeonato brasileiro (vai receber o trófeu na próxima jornada). Já o Vasco da Gama está numa situação delicada, estando agora a 4 pontos do primeiro acima da linha de água, o Avai. No entanto, este  ponto é muito importante na luta pela manutenção.

Terminou o jogo no Morumbi! O Atlético MG perdeu por 4-2. O Corinthians é o campeão brasileiro 2015!!!

O São Paulo amplia a vantagem. Vence agora o Atlético MG por 4-2.

36' - GOLO! GOLO! Corinthians! Vagner Love só teve que empurrar para o fundo da baliza. 

34' - Um cabeceamento de Lucca, levou a bola a passar muito perto da baliza do Vasco. 

31' - Substituição no Corinthians: Saiu Ralf, entrou Bruno Henrique.

O São Paulo faz o terceiro. São Paulo 3 - Atlético MG 2. O Timão está cada vez mais perto do título.  

27' - GOLO! GOLO! É do Vasco da Gama. Julio Cesar rematou rasteiro na área e a bola passou por baixo de Cássio. A jogar com menos um, o Vascão chega à vantagem. 

25'- Substituição no Corinthians: Saiu Elias, entrou Lucca. 

Que jogo de loucos! O São Paulo volta a empatar. 2-2.

17' - Substituição no Vasco: Saiu Diguinho, entrou Rafael Vaz. 

O Atlético Mineiro volta a colocar-se novamente em vantagem frente ao São Paulo. Está 2-1. 

16'- Rodrigo é expulso. Acertou com o pé na cara de Malcom. 

15'- Substituição no Vasco: Saiu Renato Augusto, entrou Rodriguinho. 

O São Paulo chega ao empate. Allan Kardec, antigo jogador do Benfica atirou para o fundo da baliza do Atlético Mineiro. 

12' - Falta feia de Edílson sobre Riascos. Viu o cartão amarelo.

11'- Substituição no Vasco: Saiu Rafael Silva, entrou Jorge Henrique. 

4'- Diguinho recebeu o cartão amarelo. Teve uma entrada dura sobre Ralf. 

3' - Jadson fez falta sobre Diguinho e vê assim o cartão amarelo. 

O Atlético Mineiro abre o marcador. Vence agora o São Paulo por 1-0. A manter-se este resultado, o Corinthians precisa de ganhar hoje para segurar já o título. 

1h10 - Início da 2ª parte. Saiu a jogar o Vasco da Gama. 

Resumo da primeira parte. 

O Corinthians acusou  a pressão de poder conquistar hoje o título. Não está a jogar o que se esperava. Está muito lento em termos ofensivos. Errou muitos passes. Renato Augusto e Jadson estão a ter uma exibição fraca e isso reflete-se na qualidade de jogo da equipa. Esperava-se que o Timão  rematasse mais à baliza. O Vasco tem estado bem, já poderia estar em vantagem no marcador. Dispôs de algumas oportunidades. A partir dos 30 minutos jogou mais  à defesa, mas aguentou a pressão. Nesta primeira parte o Vasco teve 55 % de posse bola, contra 45% do Corinthians.

No outro jogo, o Atlético Mineiro (2º classificado) e o São Paulo (5º) estão empatados a 0. Se este resultado se mantiver, o Corinthians até se pode de dar ao luxo de perder este jogo, porque será de qualquer forma campeão. 

49' - Intervalo. 

47' - Jadson cobrou um livre e Silva fez uma grande defesa e desviou para canto. 

35'- Januário protestou e viu o cartão amarelo. 

32'- Após um bom trabalho de Jadson que conseguiu um cruzamento para a área, Elias chutou, mas a bola não levou a direção certa.

29' - Renato Augusto chutou e a bola passou perto da baliza de Silva. Foi a primeira grande chance do Timão. 

28'- Vasco da Gama tem 59% de posse de bola, Corinthians tem 41 %. 

27' - Mais uma boa oportunidade para o Vasco! Cássio teve saiu mal da baliza, Rodrigo antecipou-se, cabeceou ... a bola saiu por cima da baliza. 

19'- Riascos rematou e Cássio novamente a evitar o pior para o Timão. 

15' - Rafael Silva escapou a Jadson, rematou, mas Cássio defendeu. Foi uma boa jogada do Vasco.  

8'- Jogo sem oportunidade até ao momento. 

00h - Início da partida. Saiu a jogar o Corinthians. 

23h59- 1 minuto de silêncio em memória das vitímas dos atentados franceses e também por todos aqueles que sofreram com a tragédia ambiental nas Marianas (Brasil).

23h54- Toca o hino brasileiro. 

23h53- Equipas já estão em campo. 

Ficha técnica do Corinthians.

Sistema tático inicial: 4-4-2.

11 titular: Cássio (GR), Edílson, Felipe, Gil, Arana, Ralf, Elias (C), Renato Augusto, Jadson, Malcom, Vagner Love. 

Suplentes: Walter (GR), Matheus Vidotto (GR), Fagner, Edu Dracena, Yago, Uendel, Bruno Henrique, Cristian, Rodriguinho, Danilo, Romero e Lucca. 

Treinador: Tite.

Ficha técnica do Vasco da Gama.

Sistema tático inicial: 4-4-2.

11 titular: Martin Silva (GR), Madson, Luan, Rodrigo (C), Julio Cesar, Serginho, Diguinho, Andrezinho, Nenê, Rafael Silva, Riascos. 

Suplentes: Jordi (GR), João Carlos, Rafael Vaz, Bruno Ferreira, Christiano, Guiñazu, Julio dos Santos, Mateus Vital, Bruno Gallo, Leandrão, Jorge Henrique, Eder Luis. 

Treinador: Jorginho.

Equipa de arbitragem.

Árbitro principal: Anderson Daronco.

Árbitros auxiliares: Fabiano Ramires e Alexandre de Matos. 

A Blasting News vai acompanhar o jogo mais importante da 35ª jornada do Brasileirão: Vasco da Gama x Corinthians. Uma partida que é disputada no estádio de São Januário. 

A 4 jornadas do fim do campeonato, o Vasco da Gama, atual 19º classificado com 33 pontos, sabe que não tem grande margem para perder pontos, pois está na linha de água. No entanto, caso vença hoje, fica a 2 pontos do Avaí, a primeira equipa acima da zona da descida. Mas a tarefa não será nada fácil, pois terá pela frente o Corinthians, o líder do campeonato (76 pontos), que pode conquistar o título hoje, caso vença. O Timão apresenta ainda o ataque e a defesa mais fortes desta competição (63 golos apontados e 26 sofridos).

Na primeira volta, o Corinthians venceu o Vascão por 3-0.  #Directo