Já depois dos 90 minutos Raúl Jiménez marcou o golo que deu a vitória ao #Benfica sobre o Nacional da Madeira. Um golo há muito esperado pelos adeptos encarnados, que desde o início do jogo ansiavam pelo momento. Já muitos acreditavam apenas numa igualdade a zero golos neste jogo da Taça da Liga. Raúl Jiménez entrou aos 77 minutos para substituir Mitroglou, na última substituição de que dispunha Rui Vitória.

Após uma aposta, na primeira parte do encontro, na equipa a que Rui Vitória acostumou os adeptos encarnados e que o decurso do jogo demonstrou não resultar, o treinador esgotou na segunda parte as substituições, desde logo entrando para a segunda parte com uma alteração: Renato Sanches no lugar de Cristante.

O Nacional, por seu lado, entrou também para a segunda parte com uma alteração, substituindo Camacho por Willyan, que logo aos 52 minutos rematou com algum perigo à baliza de Ederson.

Continuando sem resultados, tanto Rui Vitória como Manuel Machado voltaram a mexer nas respectivas equipas, fazendo entrar, aos 57 minutos, Jonas para o lugar de Talisca, no Benfica. No Nacional Soares substituiu Gustavo. Aos 63 minutos, quase que a alteração do Nacional dava frutos, já que é o próprio Soares que remata novamente com perigo à baliza do guarda-redes dos encarnados.

Procurando, num último esforço e, quem sabe, acreditando que "não duas sem três", Manuel Machado, esgotando as substituições, faz entrar Nenê, fazendo sair Boubacar. A esta alteração o treinador do Benfica responde, logo aos 77 minutos, com a substituição de Mitroglou por Jiménez.

Aos 86 é a vez do Benfica "assustar" o guarda-redes da equipa insular, cabeceando ao lado.

Finalmente, ao contrário do que talvez acreditou Manuel Machado, foi Rui Vitória quem viu frutos das alterações que foi fazendo à equipa ao longo da segunda parte do jogo. Raúl Jiménez, já em período de descontos (aos 90 + 1 minutos) marcou o golo que deu a vitória ao Clube da Luz, dando assim o segundo lugar na jornada ao Benfica, que somou 3 pontos, os mesmos que o líder Moreirense, que venceu em casa do Oriental por 4-2.