Podia ser uma foto normal de uma criança a vestir uma camisola de um dos seus ídolos, mas um detalhe fez a diferença. A fotografia de um menino com uma camisola de #Lionel Messi, improvisada num saco de plástico azul e branco, comoveu a internet esta semana e já se tornou viral em todo o mundo. A imagem mostra um menino a usar uma camisola da selecção argentina feita com um saco de plástico. A inscrição nas costas, “Messi 10”, é feita com uma caneta azul. A fotografia está a emocionar o mundo e já existem várias campanhas nas redes sociais com o intuito de descobrir quem é o menino e oferecer-lhe uma camisola autêntica da seleção albiceleste.      

A imagem do menino, cujo rosto não é visível, foi divulgada inicialmente pelo site Fanatik, da Turquia, mas só ganhou popularidade após ser compartilhada pelo perfil "@messi10stats" no Twitter, uma página administrada por fãs de Lionel Messi. A publicação tinha como legenda “A kid in Iraq” ou, traduzida para português, “uma criança no Iraque” e rapidamente se tornou viral, tendo recebido milhares de “likes” e sendo partilhada por milhares de pessoas de todo o mundo, com o apelo de descobrir quem é a criança que veste a camisola. 

A página não oficial do melhor jogador do mundo, que tem cerca de 691 mil seguidores, fez uma segunda publicação sobre o assunto, onde afirmou já ter sido contratada pelo Barcelona, atual clube do jogador, para que se descubra quem é a criança e para que Lionel Messi “possa providenciar algo para ele", lê-se na publicação.

De acordo com o jornal britânico “Daily Mail”, acredita-se que a fotografia foi tirada em Dohuk, um local devastado pela guerra no Iraque, onde milhares de famílias fugiram para campos de refugiados para escapar do Estado Islâmico. Contudo, para já, não há confirmação sobre o local onde a foto foi tirada. Além disso, também não se sabe se a foto é ou não recente.  

Até ao momento, a página oficial do Twitter do craque argentino, conhecido pelos seus donativos à UNICEF, não se pronunciou sobre o assunto.