O mexicano Diego Reyes é, aos 23 anos, o melhor central da #Liga Espanhola. O destaque foi-lhe concedido pelo Observatório do Futebol (CIES) e baseia-se em dados meramente estatísticos, em que o mexicano emprestado pelo FC Porto à Real Sociedad apresenta uma avaliação impressionante de 100%. Apesar do brilharete, há um dado menos interessante a seu favor: nos 12 jogos em que o central participou, a Real Sociedad venceu apenas um. 

Diego Reyes chegou ao FC Porto em 2013, proveniente do América, do México. Rotulado como jovem promessa, com vasta experiência nas seleções mexicanas, o central não conseguiu impor-se no FC Porto, onde se dividiu entre a equipa B e algumas chamadas à equipa principal. Emprestado por uma temporada à Real Sociedad, o jogador já conseguiu mais algum destaque. Pelo menos, a avaliar pelas questões estatísticas, onde supera alguns dos melhores centrais do mundo como Gerard Piqué, Sérgio Ramos ou Godín. 

Para estes resultados, o CIES avalia todas as acções individuais de cada jogador em campo, para avaliar a eficácia do atleta mas também a pertinência das suas acções. Reyes já actuou por doze vezes, não apontou nenhum golo e tem vindo a perder importância na equipa. Iniciou a época como titular, mas nesta fase não faz parte das primeiras opções do treinador escocês David Moyes. 

O brasileiro Sidnei, emprestado pelo Benfica ao Deportivo da Corunha, é 12º na lista liderada por Reyes. Entre os portugueses, Cristiano Ronaldo (#Real Madrid) é o sexto melhor avançado de La Liga, João Cancelo (Valência) é o sétimo melhor lateral e Tiago (Atlético de Madrid) o 12º melhor médio. 

Cristiano Ronaldo apenas sexto no ataque

A observação é meramente estatística e, além de Diego Reyes, na zona central do terreno, também Gareth Bale atingiu os 100% na classificação do Observatório. O galês, colega de equipa de Cristiano Ronaldo no Real Madrid, apresenta o melhor registo entre os avançados.

Também no pódio, os "pichichis" do campeonato, Neymar e Luis Suarez. O ex-benfiquista Nolito é o quarto de uma lista que não conta com Lionel Messi. O craque do Barcelona esteve arredado da competição por dois meses e as suas acções não foram ainda contabilizadas, apesar de já levar nove golos no campeonato. 

O português Cristiano Ronaldo é apenas sexto, com uma avaliação de 53.6%.  #F.C.Porto