Maicon parece ser carta fora do baralho de José Peseiro e vai falhar o jogo na Luz, frente ao líder #Benfica. O FC Porto não perdoa a atitude do central, que virou costas ao jogo caseiro frente ao Arouca, alegando lesão, poucos minutos depois de um erro que resultou no golo da vitória dos pupilos de Lito Vidigal. 

E, a poucos dias de mais um clássico na Luz, em que os azuis e brancos, na melhor das hipóteses, podem reduzir a diferença para três pontos - em caso de derrota, podem ficar a nove pontos dos encarnados e do Sporting -, Maicon passou de capitão a jogador riscado das escolhas.

Segundo alguma imprensa, a saída imediata do jogador é mesmo uma possibilidade colocada em cima da mesa, estando os mercados brasileiro e chinês ainda abertos. Recorde-se que Maicon não marcou sequer presença no Olival no treino da passada terça-feira e que o FC Porto não divulgou informações detalhadas sobre o estado clínico do jogador - no treino de segunda-feira fez apenas tratamento.

Por agora, as dúvidas sobre o estado clínico do central, e sobretudo sobre a sua condição psicológica, fazem com que Peseiro não conte com o brasileiro para o encontro na Luz, relativo à 22ª jornada da Liga. E, possivelmente, não contará também para o que resta da época - se ficar no plantel.

Sobe Danilo na hierarquia 

Com Maicon fora das contas, sobram apenas três centrais no plantel: Marcano, Martins Indi e Chidozie, promovido da equipa B após a saída de Lichnovsky no mercado de inverno. Perante a escassez de opções, a alternativa, em caso de ausência de um dos titulares, será Danilo Pereira. O médio defensivo já atuou a central em mais do que uma ocasião esta época, pelo que é a opção natural.

E, segundo a imprensa desta manhã, o português oriundo do Marítimo pode mesmo ser o substituto de Maicon na hierarquia dos capitães, apesar de ter chegado ao clube apenas esta temporada. Peseiro vê em Danilo alguém com as características de liderança ideais, e o facto é que o internacional português tem sido um dos destaques dos "dragões" esta época. 

Chidozie é para ficar

Com possibilidades limitadas de jogar - só se um dos centrais estiver indisponível e Danilo for indispensável a meio-campo - Chidozie é, contudo, uma aposta de futuro do FC Porto, que se prepara para adquirir o passe do jogador.

Chidozie, de 19 anos, está no Dragão por empréstimo do El-Kameni, mas de acordo com o portal Owngoalnigeria, já há acordo para que o jovem defesa assine por três temporadas e fique ligado ao clube até 2019. 

O central nigeriano leva 23 jogos pela equipa B esta época e jogou os 90' na derrota do FC Porto frente ao Feirense, para a Taça da Liga - um jogo em que os portistas já estavam arredados da competição.  #F.C.Porto #Primeira Liga Portuguesa