O Manchester United vai observar Renato Sanches, Bernardo Silva e André Gomes durante o encontro de hoje entre Portugal e a Bélgica, tendo, por isso, enviado um emissário ao Municipal de Leiria, segundo refere o "Daily Mirror". #José Mourinho, apontado como novo treinador dos "red devils", está, ao que tudo indica, a preparar a nova época do histórico gigante inglês, surgindo os três compatriotas, sobretudo Sanches, como prioridades na lista de reforços. Todos concluíram a formação e subiram a seniores no #Benfica, sendo que Bernardo Silva e André Gomes já não actuam na Luz, pois saíram, em 2013/2014, para Mónaco e Valência, respectivamente.

Publicidade
Publicidade

O trio tem, também, em comum, o facto de ser representado pelo empresário Jorge Mendes, tal como Mourinho, o que pode ser determinante no processo negocial entre as partes envolvidas. 

O protagonismo de Sanches

Renato Sanches, que entrou no Benfica em 2008/2009, é um dos grandes protagonistas deste duplo compromisso da #Selecção nacional: foi ovacionado quando entrou na partida diante da Bulgária e o abraço que recebeu de um adepto que invadiu o relvado do Municipal de Leiria ganhou destaque de nível mundial. Bernardo Silva, que chegou ao Benfica na temporada 2007/2008, é referência do Mónaco, enquanto André Gomes se afirmou no Valência, apesar de a equipa espanhola estar mergulhada, actualmente, em profunda crise desportiva. No Benfica, o ingresso de Gomes surgiu em 2011-2012.

Publicidade

Os jovens talentos podem ser alternativas para colmatar as saídas que já se perfilam no horizonte de José Mourinho, como Juan Mata, Fellaini, Memphis Depay, Phil Jones, Scheinerdelin, Sérgio Romero e Rojo, segundo refere o site Fichajes.

Para este embate com os belgas, transferido para Leiria na sequência dos atentados de Bruxelas, surgiu outro jogador com passado ligado ao Benfica. Witsel, que representa o Zenit, foi escolhido para antever, em conferência de imprensa, o desafio agendado para as 19.45 horas. O belga não poupa nos elogios a Renato Sanches: "É um jovem com muita qualidade, que vai ainda evoluir bastante. Daqui a um, dois anos, poderá mesmo transferir-se para um grande clube da Europa".