#Luís Figo participou este domingo, dia 5, em mais uma edição do Corazón Classic Match, frente ao Ajax, tendo vestido mais uma vez a camisola do #Real Madrid. Figo conseguiu levar os adeptos que se encontravam nas bancadas do estádio ao rubro, devido à enorme qualidade que o jogador português de 43 anos ainda apresenta.

O antigo jogador já está afastado do futebol há mais de seis anos, mas isso não foi argumento para não brilhar no estádio Santiago Bernabéu. Luís Figo marcou o primeiro golo da equipa espanhola aos 26 minutos do jogo, depois da equipa espanhola já estar a perder por uma bola a zero ce assistiu para o segundo golo com um cruzamento de enorme qualidade para Steve McManaman. Foi Butragueño que fechou a contagem deste jogo de 'Lendas' realizado em Espanha.

Tanto Luís Figo como também Raúl foram ovacionados pelos adeptos merengues, que assistiram a este jogo nas bancadas do estádio Santiago Bernabéu. Raúl representou esta equipa espanhola na maioria dos anos da sua carreira como jogador de futebol. Este encontro entre o Real Madrid e o Ajax acabou com três golos para os merengues e apenas um golo para os holandeses. 

Veja aqui os melhores lances da partida que decorreu hoje na capital espanhola e que trouxe novamente Luís Figo aos relvados:

 

História de Luís Figo no Real Madrid

Luís Figo vestia a camisola do Barcelona quando, em 2000, foi transferido com muita controvérsia para o grande rival espanhol, pela quantia de 60 milhões de euros. A maior parte dos adeptos do Barcelona sentiram uma certa traição do jogador português, devido à sua transferência para o clube rival da capital.

Figo foi o "rei" da finta e do drible e, como é referido no site do Real Madrid, a perfeição das suas assistências era um luxo para os avançados que jogaram com ele. Foi sem dúvida alguma um líder dentro de campo, em quem o Real Madrid encontrou "uma arma ofensiva inigualável". Permaneceu durante 5 anos no Real Madrid, tendo abandonado o clube em 2005. Conseguiu conquistar pelo Real Madrid um Mundial Interclubes (2002), uma Liga dos Campeões da UEFA (2001-2002), uma Supertaça da UEFA (2002), dois campeonatos espanhóis (2000-2001 e 2002-2003) e também conquistou duas Supertaças de Espanha (2001 e 2003).