Foi divulgado este domingo, dia 5, que a Seleção Nacional Portuguesa tem onze jogadores com dupla nacionalidade convocados pelo selecionador Fernando Santos. Desta forma, a de Portugal é a terceira seleção com mais jogadores com dupla nacionalidade, da lista de 24 seleções que participam no Euro 2016.

Publicidade

Estão convocados 552 jogadores para o Euro 2016 para as respetivas 24 seleções que irão participar neste campeonato. Contudo, cerca de 23% (127 jogadores) dos jogadores convocados têm diferentes nacionalidades.

Publicidade

Convém destacar que apenas a Islândia e a Ucrânia têm um plantel completo constituído somente por jogadores da respetiva nacionalidade do país que irão representar. Por outro lado, a França e a Suíça apresentam cada uma 14 jogadores convocados com nacionalidade diferente.

Conheça a lista dos 11 jogadores convocados para a Seleção Nacional Portuguesa com dupla nacionalidade:

  • Anthony Lopes, Adrien e Raphael Guerreiro - França;
  • Pepe e Bruno Alves - Brasil;
  • Cédric Soares - Alemanha;
  • William Carvalho - Angola;
  • Danilo - Guiné-Bissau;
  • Renato Sanches, Nani e Eliseu - Cabo Verde

A Albânia conta também com onze jogadores no seu plantel com dupla nacionalidade assim como acontece com a Seleção Nacional Portuguesa.

Curiosidades

Por outro lado, convém salientar que existem também vários dados curiosos nesta lista de países com maior número de jogadores convocados com dupla nacionalidade.

Publicidade

Por exemplo, o País de Gales onde atua o avançado Gareth Bale que foi campeão europeu este ano pelo Real Madrid, conta com nove jogadores com dupla nacionalidade, mas todos eles com nacionalidade inglesa. Também a República Checa conta com nove jogadores com dupla nacionalidade, mas todos eles têm filiação na Grã-Bretanha que incluí a Irlanda do Norte, a Escócia e a Inglaterra.

Críticas

Alexander Gauland, vice presidente do partido Alternativa para a Alemanha, já se manifestou dizendo que já há muito tempo que a seleção alemã deixou de ser alemã e que, nos dias que decorrem, já não existe uma identidade nacional mostrando desta forma desagrado sobre estes dados.

  #Euro2016 #Futebol #Curiosidades