Seis temporadas depois, com 253 jogos oficiais, 10 títulos conquistados e 41 golos marcados, para além de centenas de assistências, Nico Gaitán está mesmo de partida do SL #BenficaO jogador argentino foi esta terça-feira oficializado como reforço do Atlético de Madrid. No momento da apresentação, o jogador fez questão de recordar os seis anos que passou no Benfica e onde conquistou dez títulos. Aquando do seu último jogo pelo clube da Luz, na vitória frente ao CD Marítimo para a Taça da Liga, o jogador já tinha mostrado uma enorme emoção, e hoje na apresentação no seu novo clube, voltou a falar no Benfica.

Para o argentino, as recordações são muito boas e deixar o Benfica foi uma decisão muito "difícil". Mas o futuro do mágico argentino passa agora por Madrid. Na sua apresentação, o atleta referiu que a transferência já podia ter acontecido na época passada, mas por motivos que o ultrapassaram, só agora se concretizou.

Quanto ao seu futuro, Nico Gaitán revelou ainda não ter falado com o técnico Simeone, mas que agora quer é juntar-se aos seus colegas de equipa e começar a trabalhar. Apesar disso, sabe-se de antemão que Gaitán é um jogador que Simeone deseja há muito tempo, e que certamente, sem lesões, poderá ser um trunfo do Atlético Madrid para a próxima temporada.

Já da parte do Atlético Madrid, as apresentações ficaram por conta do presidente Enrique Cerezo, que não foi comedido em elogios ao agora seu jogador. Para Enrique Cerezo, Gaitán é já um jogador que já mostrou toda a sua qualidade e tem já uma enorme projecção no futebol. O presidente "colchonero" admitiu que já seguia o jogador há vários anos e que chega ao Atlético Madrid no melhor momento da sua carreira. Para terminar, Enrique Cerezo pediu a Gaitán que faça as coisas com a mesma qualidade que fez no Benfica.

Com a apresentação oficial, finaliza-se assim o processo de transferência do argentino, que depois de seis épocas de águia ao peito, se transferiu este verão para a equipa do Atlético de Madrid, a troco de 25 milhões de euros.