O #Sporting garantiu esta sexta-feira (19 de Agosto) a aquisição de Joel Campbell, extremo/avançado de 24 anos que chega proveniente do Arsenal e que era um sonho de Jorge Jesus já desde os tempos do Benfica. O costa-riquenho, internacional em 63 ocasiões pela sua selecção, esteve já em Lisboa e cumpriu os habituais exames médicos, devendo ser oficializado durante o fim-de-semana. 

O acordo com os ingleses do Arsenal foi conseguido durante a tarde de sexta-feira, num negócio liderado por Bruno de Carvalho, e onde ficou definido que o jovem jogador segue para Alvalade por empréstimo até ao final da temporada. O jogador está avaliado em cerca de oito milhões de euros, mas não é ainda conhecida qualquer opção de compra estipulada pelo clube londrino. A mais que anunciada saída de João Mário fica assim acautelada, já que os leões têm em Campbell um jogador de qualidade e que possui as características que Jorge Jesus tanto aprecia: potência, mobilidade, forte nas transições e capaz de deambular entre a ala e as costas do avançado com relativa facilidade.

Resta saber se o atleta costa-riquenho vem para jogar no lugar deixado pelo internacional português ou se é o tão desejado avançado que faltava ao conjunto leonino. Depois das saídas de Hernán Barcos e Teo Gutiérrez, há duas vagas no plantel do Sporting para preencher e a imprensa desportiva acredita que Joel Campbell deverá mesmo atuar no centro do ataque, já que as alas estão seguras com Gelson Martins, Matheus Pereira, Bruno César ou Iuri Medeiros. Ainda assim, com base nos nomes que têm vindo a público nos últimos dias, Campbell não parece ter o perfil desejado pelos responsáveis leoninos para ocupar a posição de ponta-de-lança.

Em Alvalade, o ainda jogador dos gunners encontrará o compatriota Bryan Ruiz, com quem partilha, juntamente com Keylor Navas, muito do protagonismo dado ao futebol caribenho. Depois de empréstimos ao Lorient, Betis, Olympiacos e Villarreal, Joel Campbell terá mais uma oportunidade para provar o seu valor e confirmar as excelentes indicações que deixou no Mundial de 2014. Na altura, com 22 anos, foi considerado um dos mais promissores jovens a atuar na Europa.  #Mercado de Transferências