Era o encontro mais aguardado do dia, da 1ª mão dos oitavos-de-final da #Liga dos Campeões, opondo o 5º classificado da #Premier League e o líder da Ligue 1. Não deixou ninguém insatisfeito, excepto os adeptos monegascos. Foi um excelente espectáculo de futebol, emotivo, vibrante e com alternância no marcador provocando incerteza do resultado final ao espectador.

No Manchester City, destaque para a adaptação de Fernandinho na lateral esquerda, com Zabaleta no banco de suplentes (entrou no decorrer da segunda metade). Do lado do Mónaco, nada que não fosse expectável.

O jogo

O primeiro tempo foi muito equilibrado, com ocasiões de golo criadas em ambas as balizas, graças à velocidade dos atacantes dos dois lados.

Publicidade
Publicidade

Aos 26 minutos, após jogada na esquerda por Sané, este cruza a bola rasteira para o coração da área onde aparece Sterling, antecipando-se ao defensor do Mónaco, fazendo o primeiro golo da noite.

Mas o Mónaco, seis minutos mais tarde, responde com o tento do empate, após cruzamento de Fabinho e finalização de Falcao. Aos 40 minutos, a primeira reviravolta no marcador: Fabinho descobre Mbappé em óptima posição na área e "fuzila" o guarda redes argentino, Caballero, fazendo o 1 - 2, com que se chegaria ao intervalo.

A segunda parte começou a todo o gás com Otamendi a derrubar Falcao dentro da área; penalti assinalado e Falcao a desperdiçar a ocasião. Aos 58 minutos Sterling serve Aguero que, dentro da área, remata à baliza, com a bola a escapar entre as mãos do guarda redes Subasic, um lance onde este não fica isento de culpas.

Publicidade

No entanto, 2 minuto depois, Falcao recebe a bola na área e, depois de se livrar do central Stones e à saída de Caballero, fez um chapéu ao guarda redes argentino.

Aos 71 minutos, após canto cobrado por David Silva, ao segundo poste e solto de marcação, Aguero empata novamente a partida. Seis minutos depois, novo canto para o Manchester City e a aparecer Stones para colocar a equipa da casa em vantagem no marcador.

Aos 83 minutos, Sané, após assistência de Aguero, fez o resultado final de 5 a 3 para o Manchester City.

As equipas voltam a encontrar-se no dia 15 de Março, para a segunda mão, agora em França. #Champion league