A #Liga dos Campeões de 2016/17 está a entrar na sua fase decisiva e são oito as equipas que integram um grupo restrito que aspira à vitória final na competição. Espanha é mais uma vez o país com mais equipas tendo três representantes nos quartos-de-final, são eles o Real Madrid (atual detentor do troféu), o Barcelona e o Atlético de Madrid. Segue-se a Alemanha com dois representantes, o Borussia de Dortmund e o Bayern de Munique, e por fim Itália, Inglaterra e França com um representante cada, são eles a Juventus, o Leicester e o Mónaco respetivamente.

O atual campeão europeu, o Real Madrid, garantiu o apuramento com duas vitórias sobre o Nápoles, ambas pelo mesmo resultado 3-1. Curiosamente, os merengues começaram ambos os jogos a perder e acabaram por dar a volta ao marcador continuando assim na luta pela revalidação do título europeu. Já o Barcelona protagonizou a maior reviravolta de sempre nas competições europeias frente ao PSG. Depois de uma derrota em Paris por 4-0, os catalães venceram a 2.ª mão por 6-1 com três golos apontados nos últimos minutos, um jogo que ainda dá que falar e com muita polémica à mistura, o conjunto francês queixa-se ainda bastante do trabalho da equipa de arbitragem. Por fim, o Atlético de Madrid conseguiu uma vitória importante na Alemanha por 4-2 e no Vicente Calderón geriu a eliminatória, o resultado final da 2.ª mão foi um empate a zero.

Tal como o Real Madrid, embora por números diferente, o Bayern de Munique venceu os dois jogos frente ao Arsenal pelo mesmo resultado, 5-1. Já o Borussia de Dortmund eliminou o Benfica. Depois de ter perdido por 1-0 no Estádio da Luz, os alemães acabariam por vencer no seu estádio por 4-0.

A Juventus, o único representante italiano nesta fase, eliminou o F.C. Porto com duas vitórias nas duas mãos. A Vecchia Signora venceu no Dragão por 2-0, um resultado que lhe permitiu gerir melhor o encontro da 2.ª mão, que acabou também com uma vitória do conjunto italiano, mas desta feita por 1-0.

Por fim, e tal como o Borussia de Dortmund e o Barcelona, o Leicester e o Mónaco apuraram-se dando a volta ao resultado que traziam da 1.ª mão. O Leicester tinha perdido por 2-1, mas no seu estádio conseguiu eliminar o Sevilha com uma vitória por 2-0. Numa das eliminatórias mais emocionantes destes oitavos-de-final, o Mónaco eliminou o Manchester City. Depois de uma derrota por 5-3 no Etihad, os monegascos venceram por 3-1 conquistando assim um lugar. #Champions League