Depois da reviravolta histórica conseguida na Liga dos Campeões, onde o Barcelona venceu o Paris Saint-Germain por 6-1 e recuperou de uma desvantagem de quatro golos trazida da primeira mão, os catalães não foram felizes na #Liga Espanhola, tendo perdido por 2-1 no terreno do Deportivo da Corunha. Este resultado retira a liderança ao clube "blaugrana", ultrapassado pelo #Real Madrid, que tem agora dois pontos de avanço sobre o conjunto orientado por Luis Enrique e ainda menos um jogo realizado.

Publicidade

A desvantagem dos catalães pode agora subir para cinco pontos em caso de vitória madrilena no jogo frente ao Celta de Vigo.

Publicidade

Barcelona abaixo do seu padrão

O Barça esteve muito longe da performance realizada frente ao PSG, com Neymar lesionado e Messi e Luis Suárez muito abaixo do nível exibicional a que nos têm habituado. Não foi surpresa que o Deportivo conseguisse chegar ao intervalo a vencer por 1-0 graças a um golo de Joselu num lance onde ter Stegen não ficou muito bem na fotografia. Os catalães entraram decididos a dar a volta ao marcador e Luis Suárez empatou o jogo logo aos 46 minutos da segunda parte, mas foi a única reação da equipa de Luis Enrique, visto que aos 74 minutos Álex Bergantiños fez o 2-1 final e deu ao Deportivo uma vitória importante que permite à equipa da Galiza estar mais tranquila na tabela classificativa.

Real cumpre

Já o Real Madrid, que veio também de uma importante vitória europeia frente ao Nápoles por 3-1, venceu com dificuldades no Santiago Bernabéu o Bétis de Sevilha por 2-1 num jogo onde o herói voltou a ser o defesa Sergio Ramos.

Publicidade

Os merengues começaram o jogo a perde; Sanabria efetua um remata bastante fraco, mas o guarda-redes Keylor Navas não se faz da melhor maneira ao lance e acaba por colocar a bola dentro da sua própria baliza. O Real Madrid reagiu ainda na primeira parte e conseguiu chegar ao empate graças a um golo apontado de cabeça por Cristiano Ronaldo.

Já com o Bétis reduzido a 10 jogadores, apareceu Sergio Ramos aos 81 minutos a fazer o 2-1 final na sequência de um pontapé de canto. A equipa oriunda de Sevilha ainda poderia ter empatado o jogo perto do fim, mas desta feita Keylor Navas fez uma grande defesa a remate de Sanabria e segurou a vitória da sua equipa. #F.C. Barcelona