Resumo do #Benfica, 1 – #Red Bull Salzburg, 2

O Benfica acaba por perder a sua segunda final da #UEFA Youth League. Na primeira parte, os encarnados acabaram por ter as melhores ocasiões de golo e mereceu chegar ao intervalo em vantagem, José Gomes marcou aos 29 minutos. Na segunda parte, o Benfica entregou o domínio do jogo à equipa austríaca que foi pressionando mais a zona defensiva benfiquista. As substituições feitas por Marco Rose acabaram por ser decisivas já que foram dois jogadores que entraram no decorrer da segunda parte que confirmaram a reviravolta no marcador. Aos 70 minutos, Patson empata o jogo e seis minutos depois Schmidt fez o 1-2.

Publicidade
Publicidade

Já mais com o coração do que com a cabeça, o Benfica ainda criou perigo nos instantes finais, mas o guarda-redes Zynel segurou o resultado.

Final do jogo. Benfica, 1 – Red Bull Salzburg, 2

90+6' - Substituição no Salzburg. Sai Wolf, entra Lugonja. O Salzburg esgota as substituições.

90+5' - Fábio Duarte obriga Zynel a defesa apertada.

90+4' - Segundo cartão amarelo para Ingolitsch e consequente vermelho, o Salzburg fica reduzido a 10 jogadores.

90+1' - Cartão amarelo para José Gomes por simular uma grande penalidade.

90+1' - Grande defesa de Zynel a remate de David Tavares.

90' - Quatro minutos de compensação.

89' - Cartão amarelo para Ingolitsch por falta sobre Gedson Fernandes.

89' - Cartão amarelo para Florentino por falta sobre Berisha.

87' - Substituição no Benfica.

Publicidade

Sai Ricardo Araújo, entra Mesaque Dju. O Benfica esgota as substituições.

84' - Diogo Gonçalves atira ao lado da baliza.

83' - Vinicius Jaú atira ao lado da baliza.

83' - Substituição no Benfica. Sai João Filipe, entra Vinicius Jaú.

82' - Schmidt quase faz o 1-3, valeu Fábio Duarte a defender.

78' - Remate de João Filipe a não levar a direção da baliza.

78' - Berisha atira por cima da baliza.

76' - GOLO DO SALZBURG! Cruzamento rasteiro de Wolf para Schmidt que confirma a reviravolta no marcador.

73' - Substituição no Benfica. Sai João Félix, entra David Tavares.

70' - GOLO DO SALZBURG! Canto batido por Wolf e Patson a saltar mais alto que toda a gente e a cabecear para o 1-1.

68' - Substituição no Salzburg. Sai Sturm, entra Schmidt.

67' - Cartão amarelo para Buta por agarrão a Haidara.

62' - João Félix atira com perigo, a bola passa perto da baliza.

62' - Cartão amarelo para Haidara por falta dura sobre Kalaica.

55' - Substituição no Salzburg. Sai Meister, entra Patson.

51' - Wolf remata contra Ruben Dias.

Publicidade

49' - Que perigo! Wolf na cara de Fábio Duarte acaba por atirar ao lado.

Início da segunda parte. Sai o Benfica com a bola.

As equipas reentram em campo! Tudo a postos para o início da segunda parte.

Resumo da primeira parte

Resultado que acaba por ser justo ao intervalo. Apesar da melhor entrada do Salzburg na partida, o Benfica dispôs das melhores situações para marcar, o que acabou por acontecer aos 29 minutos por intermédio de José Gomes. A melhor situação de golo para o Salzburg acabou por surgir num corte de João Filipe que ia fazendo autogolo, mas Fábio Duarte fez uma grande defesa.

Intervalo no jogo. Benfica, 1 – Red Bull Salzburg, 0

45+2' - Berisha bate o livre contra a barreira, passa o perigo.

45+1' - Livre perigoso a favor do Salzburg.

45' - Três minutos de compensação.

38' - Insistência do Salzburg no ataque a encontrar Berisha livre de marcação, o remate sai por cima da baliza.

36' - Berisha atira por cima da baliza.

29' - GOLO DO BENFICA! João Filipe bate o livre e José Gomes surge a cabecear para o 1-0.

27' - À barra! Diogo Gonçalves faz tremer o ferro da baliza de Zynel.

27' - Wolf atira para as mãos de Fábio Duarte.

26' - José Gomes atira por cima da baliza.

25' - João Félix surge a rematar com perigo, a bola é desviada para pontapé de canto.

23' - Fábio Duarte defende o remate de Haidara.

20' - Ruben Dias quase faz autogolo, valeu Fábio Duarte a defender.

14' - João Félix surge em posição privilegiada para marcar, mas o remate é cortado para pontapé de canto.

8' - Haidara remata muito ao lado da baliza de Fábio Duarte.

5' - Berisha surge a rematar com perigo, mas o lance foi interrompido por fora-de-jogo do jogador do Salzburg.

16:00 - Início da primeira parte. Sai o Salzburg com a bola.

15:57 - As equipas já estão em campo, está quase a começar o jogo!

15:05 - Onze inicial e suplentes do Benfica

Onze inicial: Fábio Duarte (GR), Aurélio Buta, Rúben Dias (C), Kalaica, Ricardo Araújo, Florentino Luís, João Filipe, Gedson Fernandes, José Gomes, Diogo Gonçalves e João Félix.

Suplentes: Daniel Azevedo (GR), Pedro Álvaro, Ricardo Mangas, Diogo Mendes, David Tavares, Vinícius Jaú e Mesaque Dju.

Treinador do Benfica: João Tralhão.

15:05 - Onze inicial e suplentes do Red Bull Salzburg

Onze inicial: Zynel (GR), Meisl, Gorzel, Berisha, Wolf, Sturm, Mensah, Haidara, Meister, Ingolitsch (C) e Dos Santos.

Suplentes: Antosch (GR), Lugonja, Schmidt, Kirim, Burgstaller, Mayer e Patson.

Treinador do Red Bull Salzburg: Marco Rose.

00:00 – Os sub-19 do SL Benfica jogam a grande final da UEFA Youth League frente aos austríacos de Red Bull Salzburg. O jogo joga-se no Centre Sportif de Colovray em Nyon (Suíça) e tem início às 16h00 (hora de Lisboa).

O SL Benfica joga hoje a sua segunda final da UEFA Youth League e vai procurar conquistar pela primeira vez o troféu. Aquando da disputa da sua primeira final (na época de 2013/14), os encarnados perderam por 3-0 frente ao Barcelona. Os catalães disputaram as meias-finais desta época, mas acabaram eliminados pelo Red Bull Salzburg, que está a causar sensação na prova e que chega à sua primeira final.

Os pupilos orientados por João Tralhão venceram nas meias-finais o Real Madrid por 4-2 num jogo onde chegaram cedo a uma vantagem de três golos. O Real Madrid acabou por recuperar para 2-3 e causou bastantes calafrios à defesa encarnada. Foi já em desespero de causa que os merengues acabaram por sofrer o 4-2 confirmando assim a terceira eliminação nesta fase da prova, a segunda frente ao Benfica.

No jogo de hoje fica uma certeza, haverá um estreante a vencer a competição que conhece esta época a sua quarta edição. O Chelsea conta com dois troféus e o Barcelona um troféu. Outro dado curioso prende-se com o facto de Benfica e Red Bull Salzburg não terem vencido os seus respetivos grupos e terem garantido o acesso às fases a eliminar via playoff.