Morreu o rei da Arábia Saudita, Abdulá bin Abdulaziz. Tinha 90 anos e foi rei desde 2005, após a morte do seu meio-irmão, o rei Fade. Vinha a exercer o governo já desde 1995, ano em que o rei Fade sofreu uma embolia cerebral que o deixou incapacitado. Sucede-lhe no trono o seu meio-irmão Salman bin Abdulaziz, de 79 anos, que já havia sido nomeado príncipe herdeiro em 2012.


Não se espera que a notícia traga consequências políticas de maior para o maior produtor de petroleo do mundo. A saúde do monarca deteriorou-se nos últimos meses, e o príncipe Salman já estava a tomar conta dos assuntos de estado - à maneira de um príncipe-regente, tal como existiu em Portugal durante os quase 8 séculos da forma monárquica de governo. Já havia sido o príncipe-regente a receber, nessa qualidade, o presidente venezuelano Nicolás Maduro, durante o seu recente périplo pelo Médio Oriente - uma vez que o rei estava já internado, com diagnóstico de pneumonia. Apesar desta situação, a política externa da Casa de Saud não só se manteve sem alterações como prossegue um rumo de confrontação e risco político elevado, mostrando que a família real e o país se mantém extremamente firmes. A descida do preço do petróleo é, em primeiro lugar, reflexo da política adoptada pelos sauditas relativamente à produção, acreditando-se que as motivações possam ser, ora uma agressão ao Irão e ao Estado Islâmico, ora uma manobra de dumping face aos novos produtores de petróleo de xisto norte-americanos. De acordo com o Huffigton Post, o novo rei Salman poderá estar a sofrer de demência senil; nesse sentido, já se encontra indigitado um novo príncipe herdeiro, Muqrin bin Abdulaziz, que é aos 69 anos o mais novo dos irmãos do falecido rei Abdulá. A nomeação foi feita pelo próprio Abdulá em 2013.


O rei Abdulá nasceu oficialmente a 1 de Agosto de 1924, embora algumas fontes apontem que possa ter nascido em 1923. Abdulá era filho do fundador da Arábia Saudita, Ibn Saud, que declarou o estabelecimento e a independência do país em 1932.  O novo rei, Salman bin Abdulaziz, é também filho de Ibn Saud. O fundador da Arábia Saudita teve 45 filhos.