O público norte-americano perdeu, no espaço de um dia, dois rostos icónicos. O jornalista da CBS Bob Simon, mundialmente famoso pelo programa 60 Minutos, morreu na noite de quarta feira, aos 73 anos, vitimado por um violento acidente de viação. O acidente ocorreu em Nova Iorque, ao final da tarde. Bob Simon seguia como passageiro, num táxi de serviço especial, com motorista particular. De acordo com a polícia, a viatura embateu na traseira de outra, entrando em despiste. O motorista foi socorrido no local a um ataque cardíaco, não sendo possível averiguar se tal terá sido a causa do acidente.

Bob Simon teve uma carreira de cerca de cinco décadas, cobrindo os principais conflitos internacionais, a partir dos anos 60.

Publicidade
Publicidade

Esteve na retirada das tropas norte americanas do Vietname em 1973, nos protestos estudantis em Tiananmen em 1989 e na Guerra do Golfo, onde em 1991 foi feito prisioneiro, juntamente com mais quatro colegas, pelos iraquianos durante quarenta dias. Começou a trabalhar no programa 60 Minutos em 1996. Ganhou 27 prémios Emmy para jornalismo.

Praticamente 24 horas antes do desaparecimento de Bob Simon, outro nome grande da #Televisão americana tinha anunciado o seu afastamento. Jon Stewart, o apresentador e comediante que todos os políticos levam a sério, revelou que está de saída do programa Daily Show. Diz que está na altura de o programa ter outra pessoa no comando. Sobre os motivos da saída, nenhum comentário. Stewart, de 52 anos, está há 16 anos como apresentador do Daily Show, um programa satírico, mas ao qual muitas e grandes personalidades fizeram questão de ir.

Publicidade

O presidente Barack Obama é apenas um dos muitos exemplos que poderiam ser enumerados.

Bastante emocionado no momento da revelação, Jon Stewart afirmou que está na altura de dar a oportunidade a outra pessoa e que ainda não está decidida a data da sua saída. "Ainda estamos a trabalhar nos detalhes, pode ser Setembro, Dezembro, ainda estamos a trabalhar nisso", disse. Não querendo assumir quaisquer compromissos sobre o futuro, disse estar à espera de "um momento de pausa".

Um dia, dois rostos que desaparecem dos ecrãs americanos e mundiais. #Famosos