O conceito de jogar às escondidas no IKEA tem-se tornado viral nos últimos tempos e, apesar de em Portugal não ter grandes proporções nem eventos programados, em vários países da Europa, nomeadamente na Bélgica (onde tudo começou) e na Holanda, a brincadeira atingiu uma escala que obrigou a marca sueca a proibir esta brincadeira. Tudo começou quando, na Bélgica, um jovem decidiu que queria jogar às escondidas na loja antes de completar 30 anos. Isto porque achou que seria engraçado remeter para a infância. Achando a ideia interessante e apoiando-a, o IKEA abriu as portas para o primeiro jogo de escondidas feito nas suas instalações, que reuniu vários adultos completamente desconhecidos, numa brincadeira única e nunca antes feita em lojas deste tipo.

Publicidade
Publicidade

O facto de a loja sueca ser vista como uma casa gigante com inúmeras divisões e recantos, tem levado a que cada vez mais pessoas continuem a organizar esta actividade. A existência de grupos no Facebook para a organização destes eventos só vem comprovar o impacto que estes têm na sociedade e já levou a que vários representantes da marca em vários países na Europa tomassem um posição oficial e solicitassem o fim destas actividades.

Segundo eles, a intenção não é erradicar a diversão, até porque a marca gosta de clientes divertidos; porém, questões de segurança têm-se sobreposto, até porque todos os cantos servem para que alguém se esconda e coloque em risco não só a própria segurança, como a dos outros clientes, mas também dos funcionários.

Martina Smedberg, porta-voz do grupo IKEA, explicou em entrevista à Bloomberg, o motivo pelo qual o grupo decidiu acabar com esta actividade: "Temos de garantir a segurança das pessoas nas nossas lojas e isso é difícil de conseguir quando não sabemos onde elas estão".

Publicidade

Os últimos encontros de Eindhoven e Amesterdão reuniram, respectivamente, cerca de 32 mil e 19 mil pessoas, sendo que, tal como foi referido, a maioria destes eventos são organizados através do Facebook e espalham pessoas por toda a loja, desde armários, baús, ou qualquer canto que possa esconder um adulto que queira ser criança por um dia. #Curiosidades