Amoo Hadji vive numa cabana na aldeia de Dezgah, situada no sul do Irão. Tem 80 anos e a última vez que tomou banho foi há 60, na altura era um jovem de 20 anos. Com o passar do tempo as marcas expostas no corpo tornaram-se cada vez mais evidentes e a sujidade fez com que se formassem camadas de crostas sobre a pele e a barba. Além do seu especto físico há ainda outra característica que o define: segundo os habitantes da região, este homem é também conhecido por gostar muito de fumar charutos, mas não são uns quaisquer, trata-se de charutos feitos de excrementos de animais. Por coincidência ou não, o seu objeto preferido é um tubo de aço, que utiliza como se de um cachimbo se tratasse.

Publicidade
Publicidade

Nas estações mais frias fuma com mais regularidade, chegando a acender vários cigarros ao mesmo tempo para que desse modo também consiga aquecer-se. E enquanto muitos de nós dormimos a sesta no sofá ou na cama, Amoo gosta de descansar num buraco no chão que se assemelha com uma cova. A única proteção que usa para a chuva é um antigo capacete de metal, outrora utilizado por militares. Amoo leva uma vida de eremita, isolado do resto das pessoas e rodeado pela natureza. Estaremos perante um "homem das cavernas" em pleno século XXI?

A razão que o fez tomar esta decisão e adotar um estilo de vida completamente diferente do habitual é ainda desconhecida. O certo é que ele conseguiu bater o recorde do maior número de dias sem tomar banho. Um recorde que já pertenceu a Guru Kailash Singh, um indiano de 69 anos que está há mais de 40 anos sem se aproximar de um chuveiro.

Publicidade

Kailash Singh vivia com a mulher e as sete filhas na cidade de Varanasi, na Índia. Kailash sempre quis ser pai de um menino e acredita que cumprindo a promessa de deixar de tomar banho será compensado pelos Deuses, recebendo assim o tão desejado filho homem. A última vez que tomou banho foi em 1974 e desde então a única água que utiliza é para lavar as mãos e os dentes.

Amoo não tem uma casa a que possa chamar de lar, nem um trabalho fixo. Por outro lado tem coisas que as pessoas "normais" não têm. Para ele não há rotinas nem horários para cumprir e quando vai dormir não tem que olhar para uma parede branca. Todas as noites Amoo tem o privilégio de adormecer sob um céu estrelado. Nos dias de chuva abriga-se na cabana. Muita gente tentou com que saísse da rua e iniciasse um novo estilo de vida, mas Amoo recusou sempre. É um homem que não pertence a ninguém. O mundo é a sua casa. #Curiosidades