As imagens conseguem ser chocantes: mas ainda bem, por um lado. O choque sempre foi uma óptima forma de chamar a atenção das pessoas e esta é uma campanha que merece a nossa atenção. A organização não-governamental Chaanv é responsável pela campanha 'Stop Acid Attacks'. E para a divulgação da causa decidiu criar um calendário em que as modelos são vítimas de ataques com ácido, que sobreviveram e que fomentam agora um "novo" conceito de #Beleza: a beleza interior.

"Nos calendários costumam aparecer (...) modelos, não mulheres como nós. Queremos mostrar que a beleza é interior, que continuamos a ser bonitas", esclareceu à agência Efe Sonia, de 30 anos, e uma das vítimas e modelo do mês de Maio.

Publicidade
Publicidade

A Índia é dos países em que esta forma de violência mais acontece (em conjunto com variadas formas de violência contra as mulheres), por razões exactamente estéticas: os agressores desfiguram com ácido o rosto das mulheres para destruir o que na verdade consideram ser um dos maiores atributos da sociedade indiana, a sua beleza. A organização não-governamental Chaanv quer mostrar que beleza é bem mais do que uma face bonita e, para isso, fotografou com pormenor as cicatrizes de 11 mulheres para o calendário Bello: sendo que estas mulheres aparecem a representar as profissões que sonhavam ter antes dos ataques.

Fotografadas por Rahul Saharan, Pascal Mannaerts e Surbhi Jaiswal, estas sobreviventes querem voltar a ter a confiança que perderam. Ashish Shukla, da Chaanv, explicou: "Devido à natureza das suas lesões, as sobreviventes sentem que é impossível viver com dignidade.

Publicidade

Ao apresentar a primeira sessão fotográfica deste género, queremos marcar a diferença". A campanha de Nova Nova Deli, Índia, pretende assim acabar com o estatuto de vítima destas mulheres e reintegrá-las de forma digna, como merecem, na sociedade.

A organização fornece também apoio médico, legal e laboral às mulheres que sobreviveram e, para o poder fazer da melhor forma, pedem a ajuda de todas as pessoas para angariar fundos. O calendário está à venda no site paltan.in, a partir deste mês e até Fevereiro do próximo ano. Sendo que em Março de 2016 é depois lançado um novo calendário.