Mariza, a grande fadista portuguesa, está agendada para dois concertos no próximo fim-de-semana em Angola no Epic Sana Luanda Hotel. Contudo em várias redes sociais têm surgido grupos com comentários negativos contra o valor pedido pelos bilhetes. No cartaz dos bilhetes pode verificar-se a informação de que os bilhetes mais baratos (que incluem um jantar com bebidas incluídas e respectiva entrada para o espectáculo) custam 52.650 Kwanzas, ou seja, 452 euros.

A alternativa é um pouco mais cara: além do espectáculo e jantar com champanhe também oferece um CD, pelo valor de 70.200 Kwanzas, ou seja, 603 euros. Existem ainda bilhetes mais caros por 99.450 Kwanzas (854 euros), que, para além de tudo o que os outros proporcionam, também garante a entrada para um espaço VIP onde será possível tirar uma foto com a fadista. #Famosos #Música

Em várias redes sociais, principalmente no Facebook, vários angolanos manifestaram o seu descontentamento e uma tremenda incredulidade perante os valores exigidos. Vários comentários foram surgindo durante várias semanas, tais como: "Como é possível haver um espectáculo com valores tão altos?"; "O valor é tão alto que devem pensar que somos todos milionários"; "Só vou comprar bilhetes se alguém me patrocinar o valor"; "É uma autêntica roubalheira descarada, mas o problema é que há sempre quem pague"; "A esses valores nem pensar ir, não acredito como podem exigir um valor tão elevado"; entre outros do mesmo género.



Segundo o jornal "Angonotícias", os grandes motivos para o autêntico motim de comentários, que se verificou nas redes sociais em relação ao valor do espectáculo, relacionam-se com os muitos salários que se encontram com meses de atraso. Existem no momento empresas angolanas com cerca de 6 meses de ordenados em dívida. No entanto há quem se contraponha. Em resposta aos comentários, pode ler-se várias pessoas explicando que o valor dos bilhetes é justificado pela qualidade do espectáculo e principalmente pelo local onde vai ser exibido. O Hotel é dos mais caros de Luanda.