Morreu ontem, dia 2 de Abril, a menina mais velha do mundo. Parece uma contradição, mas na verdade a adolescente britânica Hayley Okines tinha apenas 17 anos mas vivia num corpo de 136 anos. Viveu quatro anos a mais do que era esperado, realizou sonhos e ajudou pessoas, no entanto, acabou por morrer nos braços da sua mãe, como a própria o escreveu na sua página de Facebook, "a minha bebé partiu para um lugar melhor. Ela adormeceu nos meus braços".

Foi-lhe diagnosticado à nascença uma doença genética rara, Progenia, que produz um envelhecimento acelerado, cerca de oito vezes mais rápido do que o normal. Assim, a esperança de vida da pequena jovem britânica, que viajava constantemente para os Estados Unidos da América para realizar novos tratamentos, seria, de acordo com os médicos, até aos 13 anos, uma vez que os pacientes com esta doença acabam por sofrer ataques cardíacos ou derrames.

Publicidade
Publicidade

Contudo, a jovem superou as expectativas. Por altura do seu 14º aniversário Hayley decidiu celebrar e publicou um livro autobiográfico, Velha antes do Tempo, ajudando muitas pessoas com a sua história.

A menina deu a cara, nos últimos anos de vida, por uma fundação americana de apoio para a doença através de pesquisas. Além disso, tentava ainda arrecadar fundos para a investigação e consciencializava as pessoas para a doença. Hayley aprendeu ainda a ser uma grande adepta das redes sociais, mais concretamente do Twitter, e foi através dessa mesma rede que a jovem conseguiu realizar um dos seus maiores sonhos: conhecer o cantor Justin Bieber. O cantor, que elogiou o sorriso e a energia da pequena menina, acabou por lhe oferecer também ingressos para o próximo concerto que iria dar no Reino Unido.

Publicidade

Além de Bieber, a jovem conheceu ainda o Príncipe Carlos e a cantora Kylie Minogue.

Hayley completou 17 anos em Setembro e nos últimos meses a sua saúde piorou significativamente, levando a que nas últimas semanas tenha contraido uma pneumonia que estava a curar no Hospital. Na quinta-feira, dia 2 de Abril, a jovem foi para casa, acabando por falecer pelas 21h00.