Måns Zelmerlöw venceu a 60ª Edição do Festival Eurovisão da canção, que se realizou em Viena, Áustria. Måns trouxe, assim, a 6ª vitória ao país, apenas 3 anos após a última vitória da Suécia, em 2012. A canção do representante sueco foi "Heroes", uma #Música que fala de heróis, num mix entre música pop e eletrónica e com um toque muito pessoal. Måns é voluntário internacional, tendo uma fundação que ajuda a financiar 3 escolas em África do Sul e uma outra escola no Quénia.

Conchita Wurst, a vencedora de 2014, pela Áustria, foi a responsável pela entrega do troféu e passagem do testemunho à Suécia. Questionado por Conchita sobre o que queria dizer ao público, Måns respondeu: "Tenho muita coisa para dizer neste momento.

Publicidade
Publicidade

Estou extremamente feliz e quero agradecer-vos a todos por votarem em mim e por me apoiarem, a toda a minha equipa que fez esta performance, e quero apenas dizer que nós somos todos heróis, não importa quem amamos, quem somos, ou aquilo em que acreditamos. Somos todos heróis".

O segundo lugar do certame foi para a Rússia. Polina Gagarina, representante russa, levou a badalada canção "A Million Voices", uma música que fala sobre a igualdade e que tem gerado alguma polémica junto do público, dados os recentes atos de violência homofóbica na Rússia, fruto da política adotada por Vladimir Putin, ao proibir no país qualquer tipo de "propaganda gay". Polémicas à parte, Polina foi altamente apoiada pela Europa ao trazer ao festival uma canção cheia de sentimentos positivos e com uma mensagem igualitária.

Publicidade

Itália, Bélgica e Austrália foram também reais candidatos ao pódio, tendo ficado em 3º, 4º e 5º lugar, respetivamente. Esta foi a primeira participação da Austrália, convidado especial do 60º Aniversário do Festival, por ser o país fora da Europa com mais fãs da Eurovisão. Guy Sebastian foi o representante da Austrália com "Tonight Again", uma música pop bem ao estilo Eurovisivo.

Em Portugal, cuja pontuação foi apresentada por Suzy, representante portuguesa de 2014, as preferências foram para Itália, Rússia e a vencedora Suécia, com 12, 10 e 8 pontos, respetivamente. Espanha foi a grande derrotada da noite. Edurne era dada como uma das favoritas à vitória por toda a internet, nas semanas que antecederam o festival, conseguindo apenas 15 pontos e ficando assim em 21º lugar.

Ao todo foram 40 países a concurso e 27 marcaram presença na Grande Final. Portugal foi representado por Leonor Andrade com o tema "Há um Mar Que Nos Separa", ficando-se pela semi-final, sendo ainda desconhecida a posição e a pontuação atribuída pelo júri e pelos países votantes. Em 2016 será a vez da Suécia organizar a competição, pela estação televisiva representante SVT. Em breve deverá ser anunciada qual a cidade que irá sediar a 61ª Edição.