Foi no passado dia 30 de Maio, na cidade de Sergipe, Brasil, que Fernando Neves, repórter de um programa da estação de televisão brasileira Rede Record, se aproximou de um adolescente que estava morto no chão, perguntando-lhe a idade, mas, como é óbvio, não obteve qualquer resposta. O insólito aconteceu depois de três adolescentes terem assaltado uma mercearia naquela região do Nordeste brasileiro, pondo-se depois em fuga com perseguição por parte da Polícia Estadual de Sergipe. Os fugitivos acabaram por se envolver num acidente aparatoso, com outros veículos e com o da própria polícia, acabando por haver troca de tiros no meio da rua.

Os três assaltantes acabaram imobilizados pelas forças estaduais no pavimento de uma estrada, e logo depois chegou o protagonista desta história, Fernando Neves, com a equipa de reportagem da Rede Record.

Publicidade
Publicidade

Depois de entrevistar o responsável policial pela perseguição e detenção dos assaltantes, o repórter decidiu dirigir-se a dois dos detidos, perguntando-lhes a idade e localidade, obtendo resposta dos dois. Quando foi inquirir o terceiro assaltante, sobre a idade, não obteve qualquer resposta. Após alguns segundos com o microfone estendido à espera de resposta, o repórter apercebeu-se que o jovem tinha sucumbido aos ferimentos do tiroteio após o acidente, e que já estava morto. Quando deu conta do erro, o repórter brincou com a situação, referindo que até tenta entrevistar um morto.

No Brasil é normal as equipas de reportagem cobrirem as detenções quase na hora, geralmente com total colaboração das autoridades policiais, e é também frequente inquirirem os infractores sobre idade, localidade, e motivos pelos quais fizeram o crime.

Publicidade

Há até uma figura policial que ficou bastante conhecida no Brasil devido a este tipo de reportagens. Sargento Fahur, polícia da Divisão Rodoviária Estadual de Maringá, é hoje uma celebridade na internet, com dezenas de reportagens em vídeo onde costuma criticar duramente os assaltantes que são expostos às suas críticas perante as câmaras de televisão. #Curiosidades