O #Acidente deu-se na manhã da passada quarta-feira, na estrada nacional luxemburguesa N31, na comuna de Bascharage, distrito de Luxemburgo, cantão de Capellen. Nelson Lopes, filho de emigrantes portugueses, estava na zona sul do país, onde fazia acrobacias ao volante de uma moto, quando abalroou um veículo automóvel que seguia na mesma faixa de rodagem. O jovem ficou em estado muito grave.

Segundo testemunhas do acidente, Nelson Lopes vinha a fazer um "cavalinho" a alta velocidade, e não terá reparado no veículo que circulava à sua frente, embatendo com muita violência na outra viatura. Na sequência do embate, o luso-descendente terá sido projectado vários metros, estando agora em estado muito grave entregue aos cuidados médicos do Hospital daquela região.

Publicidade
Publicidade

Ao que tudo indica, o prognóstico é muito reservado.

Segundo informações recolhidas junto da Polícia Pública do Grão-Ducado, o motorista do automóvel terá dito que o motociclista vinha descontrolado e embateu contra a traseira do seu veículo, que acabou imobilizado num morro de terra e relva. O condutor do automóvel informou ainda que o motociclista perdeu o controlo do veículo com o embate, e acabou por cair e subir uma vala, acabando por parar no meio da relva, com ferimentos muito graves. O Ministério Público foi informado da ocorrência.

Esta zona do Luxemburgo já foi palco de vários acidentes com portugueses, tendo ainda em Março deste ano ocorrido um atropelamento, com a vítima a ficar em estado grave, mas tendo recuperado. Em 2011, duas jovens perderam a vida na noite de carnaval, após o carro onde seguiam ter embatido contra uma árvore.

Publicidade

Segundo o último Census no país, realizado durante este ano, actualmente moram 622 portugueses em Bascherage, representando 8% da população, maioritariamente nativa, sendo a comuna onde existem mais portugueses, no cantão de Capellen, zona sul do Grão-Ducado do Luxemburgo. De acordo com o mesmo documento, a comunidade portuguesa no Luxemburgo representa cerca de 16% dos habitantes do país, num total de 90.800.